“É um amigo”, diz Wellington Dias sobre possível aliança com Zé Filho

Corre nos bastidores que Dias estaria trabalhando para contar com apoio do ex-governador em 2022.

O GP1 trouxe na semana passada a informação de que o governador Wellington Dias (PT-PI) estaria trabalhando para contar com o apoio do ex-governador Zé Filho (PSDB) nas eleições de 2022. Na manhã desta segunda-feira (25), nossa reportagem conversou com Wellington que evitou se estender sobre o assunto.

Dias se ateve apenas a destacar a boa relação com o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Piauí (FIEPI). “É um amigo”, se limitou a dizer o chefe do executivo piauiense.

Foto: Lucas Dias/GP1
Wellington Dias, governador do Piauí

Wellington Dias, governador do Piauí

O GP1 conversou no último sábado (23) com o ex-governador Zé Filho e ele esclareceu que até o momento, não havia dialogado com Wellington sobre eventuais alinhamentos. No entanto, não fechou as portas para conversas futuras.

“Tudo que eu sei é o que tem sido colocado pela imprensa. Mas eu sou amigo do governador, sempre nos demos bem e nunca tivemos problemas. Eu converso sempre com Wellington assim como tenho uma relação boa com o Rafael Fonteles. Converso com todos, não tenho problema com ninguém”, assegurou o presidente da FIEPI na oportunidade.

Zé Filho

Zé Filho

Suplência de senador

Conforme informações de bastidores, Wellington Dias estaria disposto a oferecer a primeira suplência de senador da chapa do governo a Zé Filho, uma vez que, a tendência é que o gestor petista dispute vaga no Senado em 2022.

Interesse declarado

Em recente solenidade no Palácio de Karnak ao lado do ex-governador, Wellington admitiu interesse de firmar aliança entre eles. Isso porque, o chefe do executivo piauiense sabe que Zé Filho é uma das mais fortes lideranças do Estado e que poderia reforçar seu projeto político para 2022, sobretudo, na região de Parnaíba.

Apesar de ainda não ter prego batido, circula nos corredores do Karnak que o governador do Piauí teria interesse de oferecer a primeira suplência de senador da chapa majoritária do executivo estadual a Zé Filho.

Por GP1

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *