Mulher de 20 anos executada em bar de Teresina é identificada

A jovem foi assassinada com quatro disparos nas costas e outro na cabeça, sem chances de defesa.

Uma mulher de 20 anos, assassinada a tiros em um bar no início da tarde deste sábado (25) no bairro São Joaquim, zona norte de Teresina, foi identificada. Trata-se de Cristiane Araújo Prado, residente na região do bairro Primavera, na Capital.

A identificação da vítima foi confirmada ao Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), através de uma familiar de Cristiane Araújo, que esteve no local pouco depois do crime.

Semelhante ao duplo assassinato que ocorreu em 5 de julho deste ano no mesmo local, poucos minutos após a ação, imagens da vítima ainda viva dentro do bar passaram a ser compartilhadas nas redes sociais, dando conta de que os atiradores tiveram informação privilegiada de que Cristiane Araújo Prado estava no estabelecimento e viria a ser alvo fácil dos seus algozes.

Por volta de 14h, os suspeitos chegaram ao estabelecimento, surpreenderam a vítima com quatro tiros nas costas, além de mais um disparo de arma de fogo na cabeça, executando Cristiane, que já caiu morta.

A área onde ocorreu o crime é dominada pela facção Primeiro Comando da Capital (PCC). No mês de julho, quando houve um duplo assassinato, o atirador deixou um recado claro ao afirmar “quarenta aqui passa mal no São Joaquim”, se referindo à facção rival Bonde dos 40.

Agora caberá ao Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa aprofundar as investigações, a fim de elucidar o caso e descartar ou não qualquer relação que possa haver entre os dois episódios de assassinatos registrados no mesmo estabelecimento, localizado na Rua Alfa.

Por GP1

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *