Advogado piauiense morre aos 33 anos vítima de dengue hemorrágica no DF

O advogado piauiense Luís Alberto Silva, Lulinha Silva, de 33 anos, morreu na noite da última quarta-feira (1º/06), em hospital de Brasília/DF, onde estava internado por complicações de dengue hemorrágica. As informações são do Piripiri Repórter.

Lulinha Silva, como é mais conhecido, deixa esposa e um filho. A família, neste momento de dor, está providenciando o translado do corpo.

Com família em Batalha, no Norte do Piauí, Lulinha Silva formou-se em Direito da Faculdade CHRISFAPI, em Piripiri. Posteriormente, passou no exame da Ordem e tornou-se advogado. Ele atuava em sua cidade natal e também em Piripiri.

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.