Aras desautoriza Moraes e diz que delação conduzida pela PF não tem validade

O Procurador-geral da República Augusto Aras deu um puxão de orelha publicamente no ministro Alexandre de Moraes. Pelo Twitter, Aras disse que a PGR não aceita delação premiadas conduzidas pela PF.

O ministro Alexandre de Moraes ignorou completamente o patrono da ação penal, o Ministério Público, para conduzir um inquérito em tom de suposta vingança pessoal de uma Polícia comandada por Flávio Dino que já declarou publicamente que esta PF esta a serviço dos interesses de Lula.


Fonte: Hora Brasília


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais