Atuação da Força Tarefa causa prejuízo de R$ 12 milhões a facções criminosas no litoral do PI

Os Coordenadores-Gerais da Força Tarefa de Segurança Pública no Piauí (FTSP/PHB 01) realizaram reunião de trabalho com coletiva de imprensa nesta terça (21/06) na sede da FTSP em Parnaíba-PI. Na ocasião foram apresentados as estatísticas do primeiro semestre de atuação da FTSP no litoral do estado. As informações são do Blog do Coveiro.

Conforme o balanço repassado a imprensa, nesse período foram realizadas 37 prisões, nove delas em flagrante delito e as outras 28 por meio de mandados de prisão. Também foram cumpridos 53 mandados de busca e apreensão que resultaram no confisco de 13 veículos, 30 armas de fogo, 366 munições, além de 2,8 kg de entorpecentes e R$ 46 mil em espécie, além do sequestro de imóveis e ativos em contas bancárias de investigados pertencentes a facções criminosas, que somados os valores chegam a um montante de R$12 milhões de reais.

O projeto de criação da FTSP/PHB 01 teve início em novembro de 2021, com o objetivo de implantar uma política voltada ao combate permanente de facções criminosas, desenvolvendo ações para reduzir o grande número de homicídios e adotando uma estratégia de unir prisões e asfixia financeira nos líderes desses grupos que estavam atuando de forma intensa em Parnaíba, Cajueiro da Praia e Luís Correia e se expandindo a cidades vizinhas como Cocal, Cocal dos Alves, Buriti dos Lopes, Bom Princípio do Piauí, Ilha Grande e Murici dos Portelas.

A FTSP-PHB 01 foi instituída conforme o modelo proposto pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (SEOPI/MJSP), composta pela Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Penal.

Denúncias sobre atuação de facções criminosas, foragidos da Justiça, tráfico de drogas e outros crimes podem ser encaminhadas, de forma anônima, ao endereço eletrônico: bit.ly/denunciapcphb.

 

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *