Bolsonaro e PSDB ironizam aliança entre Lula e Alckmin

Tucanos resgataram uma postagem de 2014 em que o petista afirmou que Alckmin ‘parece que mamou até os 14 anos’

O presidente Jair Bolsonaro (PL) e o PSDB foram às redes sociais nesta sexta-feira, 8, para ironizar a oficialização da aliança entre o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSB) e o ex-presidente Lula (PT).

Mais cedo, o PSB formalizou a indicação de Alckmin, recém filiado ao partido, como vice na chapa encabeçada pelo petista. Ele posaram para fotos de mãos dadas, juntos com os presidentes do PSB, Carlos Siqueira, e do PT, Gleisi Hoffmann.

Lula publicou a foto ao lado do ex-governador e disse: “Nossa vontade é de reconstruir o Brasil. A partir de agora é companheiro Alckmin e companheiro Lula”. Bolsonaro compartilhou o post e escreveu apenas “kkkk”, rindo da situação.

O PSDB, ex-partido de Geraldo Alckmin, foi além, resgatou uma postagem de 2014 em que o petista afirmou que o ex-governador de São Paulo “parece que mamou até os 14 anos”.

“Eu quando disputei a eleição com o Serra era uma coisa civilizada. Depois com o Alckmin não foi. Ele parece que mamou até os 14 anos.”

O partido continuou e fez uma comparação: “Lula na coletiva de hoje: ‘Já fui adversário de Alckmin, de Serra e de FHC. Nunca os desrespeitei’”.

Na última terça-feira, Lula usou as redes sociais para comentar o provável aliança com o ex-tucano nas eleições deste ano, argumentando que ambos não são os mesmos políticos de 2006.

“Eu mudei, o Alckmin mudou e o Brasil mudou. Eu fui adversário do Alckmin, não inimigo. Feliz era o Brasil que tinha disputa entre dois partidos democráticos, porque existia debate civilizado, sobre programa de governo”, comentou.

Por Revista Oeste

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *