Câmara Federal aprova lei que torna obra de Torquato Neto patrimônio imaterial do Brasil

A obra de Torquato Neto, um dos maiores expoentes da cultura piauiense, pode ganhar novo status e ser declarada como Patrimônio Imaterial do Brasil. Esse reconhecimento está previsto em um projeto de lei do deputado Flávio Nogueira (PT/PI), que foi aprovado hoje (14) na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. A aprovação foi em caráter terminativo e, agora, a proposta (PL 597/2021) segue para apreciação no Senado.

“A aprovação do meu projeto de lei é um reconhecimento à relevância da obra deste grande artista piauiense, que se destacou como poeta, compositor, cineasta e jornalista”, observa Flávio Nogueira, o autor da proposta. Conforme o parlamentar petista, o objetivo do projeto é contribuir para a preservação e a visibilidade da obra do artista piauiense.

“Torquato Neto é um dos criadores do Tropicalismo, um dos movimentos culturais mais revolucionários e importantes do Brasil”, avalia o deputado.

Foto: Ascom/Câmara Federal 

O projeto de Flávio Nogueira teve como relator, na Câmara, o deputado Jadyel Alencar (PV/PI). Em seu relatório, Jadyel defendeu a aprovação da matéria e destacou a importância da obra de Torquato Neto para a cultura nacional. “O projeto simplesmente coroa um dos maiores poetas do Brasil. Suas obras serão, a partir desse projeto, um patrimônio do Brasil. Ficarão nos livros de história e serão lembradas pelas gerações futuras”, enfatizou Jadyel.

Foto: Vitrine Filmes/divulgação

Fonte: Cidade Verde

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais