Casos de covid-19 aumentam mais de 70 vezes em 24 horas no Piauí

O Estado vinha registrando média de 1 a 3 casos por dia nas últimas semanas, mas nesta terça foram confirmados 75 casos.

O Piauí registrou um aumento vertiginoso no número de casos de covid-19 confirmados pelas autoridades de saúde pública nesta terça-feira (07). De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi), o Estado teve 75 casos da doença diagnosticados da segunda (06) para a terça-feira (07). O Piauí vinha registrando média de um a três casos por dia nas últimas duas semanas. Com os 75 novos casos registrados ontem, o aumento foi de mais de 7.000% em apenas 24 horas. Portal O Dia

Mulher é submetida a teste de Covid-19 — Foto: Cristine Rochol/PMPA

Mulher é submetida a teste de Covid-19 — Foto: Cristine Rochol

No começo desta semana, o Comitê Estadual de Operações Emergenciais (COE) contra a covid-19 já havia emitido um alerta para a possibilidade de aumento dos casos de infecção pelo coronavírus nos próximos dias. Isso porque a taxa de positividade dos testes RT-PCR aumentou pela segunda semana epidemiológica consecutiva e hoje se encontra a 1,68%.

Embora este número esteja abaixo dos 5% considerados pelo Centro de Prevenção e Controle de Doenças Norte-Americano como indicativo de controle da pandemia, preocupa o fato de que em vários brasileiros essa subida de casos também esteja sendo registrada. Em São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, o uso da máscara votou a ser obrigatório em ambientes fechados e em universidades.

Aqui em Teresina, o Comitê de Operações Emergenciais Municipal se reuniu na semana passada e decidiu manter desobrigado o uso da máscara em ambientes fechados, embora com a recomendação de uso para prevenção à covid-19. Ainda ontem (06), o prefeito Dr. Pessoa provocou as autoridades em saúde para que voltem a discutir o uso obrigatório do EPI. Dr. Pessoa, que é médico, recentemente contraiu covid e permaneceu uns dias afastado de suas funções e em isolamento social.

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *