Cidades do Piauí apresentam baixa umidade do ar e alerta para incêndios

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), municípios do Piauí das regiões  Centro e Norte  encontram-se em sinal de alerta devido a baixa umidade do ar.  De acordo com os dados do instituto, a umidade estaria entre 30% e 20%.

A baixa umidade traz risco à saúde, e também, representa risco de incêndios. A umidade considerada ideal pela Organização Mundial de Saúde (OMS) fica entre 50% a 80%.

No site do INMET, o instituto apresenta recomendações como beber bastante líquido, evitar desgaste físico nas horas mais secas, evitar exposição ao sol nas horas mais quentes do dia. Na saúde, os riscos são ressecamento da pele, desconfortos nos olhos, boca e nariz.

De acordo com os dados de satélite, na sexta-feira (28), o Piauí apresentou 107 focos de queimadas. A umidade baixa aumenta esse risco e preocupa as autoridades.

Entre as cidades com alerta de baixa umidade estão José de Freitas, Joca Marques, Demerval Lobão, Curralinhos, Caxingó, Luzilândia, Alto Longá, Altos, Bom Princípio do Piauí, Cabeceiras do Piauí, Cocal de Telha, Cocal dos Alves, Esperantina, Boqueirão do Piauí, entre outras. O alerta deve atingir mais de 60 municípios do estado.

Por Lídia Brito/Cidade Verde

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *