Crianças perdidas há 40 dias na Amazônia colombiana são encontradas vivas

As quatro crianças, incluindo um bebê, que estavam perdidas há 40 dias na Amazônia colombiana após um acidente aéreo, foram encontradas vivas nesta sexta-feira. O anúncio foi feito pelo presidente da Colômbia, Gustavo Petro, no Twitter. “Uma alegria para todo o país”, disse Petro.

Os resgatados, com idades entre 13 anos e um ano, receberam atendimento médico na cidade de San José del Guaviare, no sul da Colômbia, e podem ser transportados para a capital, Bogotá.

As crianças foram encontradas por uma equipe de buscas que incluía indígenas voluntários e forças especiais militares. Em uma foto divulgada por militares, é possível ver um soldado segurando o bebê enquanto as demais crianças estão sentadas ao redor.

A busca pelos desaparecidos envolveu 11 aeronaves. Ao longo dos dias, os militares chegaram a jogar refeições prontas e kits com apitos e isqueiros para fora dos aviões, na esperança que as crianças encontrassem. Panfletos pedindo para elas fazerem barulho e fumaça também foram lançados no ar.

O grupo de crianças estava em um avião Cessna 206 que caiu no dia 1º de maio. Rastreadores indígenas localizaram o avião duas semanas depois. O piloto Hernando Murcia e a mãe das crianças, Magdalena Mucutuy não sobreviveram à queda. O voo viajava da aldeia de Araracuara para San José.

A descoberta do avião desencadeou a busca pelas crianças, denominada Operação Esperança, que incluiu 113 militares trabalhando com 92 rastreadores indígenas. (Fonte: Dow Jones Newswires)

Fonte: Estadão Conteúdo

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais