Ex-prefeito de Curimatá preso durante operação é solto no Sul do Piauí

A juíza responsável pontuou na decisão que não foram comprovados indícios de que José Arlindo, mais conhecido como ‘Zezinho do Tomate’ representa risco para a sociedade.

O ex-prefeito da cidade de Curimatá, José Arlindo da Silva Filho, que foi preso na última sexta-feira, 19 de novembro, pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) recebeu liberdade provisória e foi solto pela Justiça da Vara Única da Comarca do município de Avelino Lopes.

A juíza responsável pontuou na decisão que não foram comprovados indícios de que José Arlindo, mais conhecido como ‘Zezinho do Tomate’ representa risco para a sociedade. “Não há, nos autos, informações de que o autuado responda a outros processos criminais e não há indicativo de que tenha o intuito de prejudicar a instrução criminal ou a aplicação da lei penal, e possui condições pessoais completamente favoráveis, não se qualificando, portanto, como um criminoso contumaz a ensejar o juízo de periculosidade”, escreveu.

Mesmo em liberdade, o ex-gestor terá que obedecer algumas medidas como sua ida ao tribunal todo mês, não poderá ausentar-se da comarca sem autorização e tem que se apresentar assim que intimado.

O ex-prefeito foi preso durante operação deflagrada pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), da Polícia Civil do Piauí, contra receptação e adulteração de veículos.

A ordem de prisão foi expedida pelo Poder Judiciário da Comarca de Avelino Lopes. Zezinho já foi preso anteriormente, em 2008 e 2009, por suspeita de participação em um esquema de roubo de cargas em Teresina. Durante a operação deflagrada no município a 750 km de Teresina, os policiais realizaram buscas na residência do alvo, que foi flagrado com uma arma de fogo com sinais de adulteração.

Zezinho já foi preso anteriormente nos anos de 2008 e 2009 - Foto: DivulgaçãoZezinho já foi preso anteriormente nos anos de 2008 e 2009 – Foto: Divulgação

 

Por Meio Norte

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.