Grêmio bate Juventude em jogo com susto de goleiro e assume a liderança do Gaúcho

O Grêmio é o novo líder do Campeonato Gaúcho. Em jogo duro diante do Juventude e susto com choque entre o atacante André e o goleiro Lucas Wingert, atendido por mais de 10 minutos e removido de ambulância do gramado, a vitória por 1 a 0 levou o time tricolor ao topo após derrota surpreendente do Internacional para o Guarany, em Bagé.

Depois de derrota na estreia para o Caxias (2 a 1), o Grêmio se redimiu e subiu para os nove pontos na classificação após a terceira vitória seguida, superando o Inter, que se manteve com sete. O Juventude permanece com seis.

Ídolo dos gremistas e responsável pela primeira escalação de Pedro Geromel e Kannemann juntos, o técnico Roger Machado, agora no Juventude, recebeu enorme carinho dos torcedores tricolores e de alguns atletas rivais.

O capitão do Grêmio até o abraçou, mas não repetiu a dupla com o argentino, que virou desfalque de última hora por causa de dores na panturrilha. Rodrigo Ely entrou.

Do mais, Renato Gaúcho optou por dar nova chance a JP Galvão como centroavante. Os torcedores imaginavam escalação do jovem André desde o início.

Com escalação bem ofensiva, a ordem era aproveitar o deslize do rival Internacional – perdeu do Guarany – e assumir a liderança. Ao Juventude, um empate valia o primeiro lugar, garantia a mais de grande jogo em Porto Alegre.

O Juventude chegou com perigo no primeiro minuto. Mas não finalizou. Do outro lado, Soteldo teve preciosa chance logo aos 5 minutos e perdeu gol incrível. A careta para os companheiros refletiu que nem ele acreditou na batida para fora.

Após JP Galvão dividir com o goleiro, a bola sobrou para o venezuelano tabelar com Villasanti, aparecer livre quase na pequena área e errar o alvo.

Com escalações de três atacantes de cada lado, coube a um lateral abrir o marcador. Fabio aproveitou o escanteio de Cristaldo para cabecear às redes e “provocar” o técnico Renato Gaúcho, que aplaudiu seu comandado.

O técnico não gostou, contudo, de ver o estreante Gilberto bater cruzado e por pouco não igualar o marcador.

Renato voltou com André para a segunda etapa, mas optou pela manutenção de JP Galvão. Em começo de etapa mais equilibrado e com chances somente nas bolas paradas, um choque entre o jovem atacante e o goleiro Lucas Wingert causou apreensão na partida.

O goleiro sofreu um corte profundo no supercílio após trombar com o cotovelo do atacante e ainda necessitou de atendimento demorado no gramado.

Foi retirado de campo de ambulância e com colar cervical por “precaução”, ficando em observação no estádio André também deixou a partida, com lesão na canela após o goleiro cair sob sua perna.

Opção para a vaga de André, Nathan Fernandes fez linda jogada individual, passou entre dois marcadores e na hora de servir o companheiro na área, errou o passe, deixando Renato Gaúcho bastante irritado. Logo depois, o treinador viu Soteldo abrir demais a perna e sofrer lesão muscular.

Criando pouco na frente e vendo o Juventude crescer, o Grêmio se safou da igualdade aos 40 minutos em três lances seguidos. Rildo cobrou a falta, Marchesín espalmou nos pés de João Lucas, que bateu no peito do goleiro. Na volta, Gilberto deu bela bicicleta e a bola passou raspando.

O Grêmio se fechou na defesa, suportou a pressão e comemorou o placar, enquanto os jogadores do Juventude reclamaram muito com o árbitro após o apito final.

Fonte: Estadão Conteúdo


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais