Médicos da Prefeitura de Teresina fazem nova paralisação em protesto na capital

De acordo com o Sindicato, esta é uma oportunidade crucial de dar voz às denúncias e pra exigir melhores condições de trabalho e atendimento para a população

O Sindicato de Médicos do Piauí (Simepi) irá realizar mais uma paralização nesta segunda- feira (29/01). De acordo com a nota emitida, a nova paralisação é para denuciar as condições precárias e, falta de novos concursos públicos e a implantação do piso Fenam. Protesto está acontecendo em frente ao Centro Integrado de Saúde Lineu Araújo (CISLA).

De acordo com o Sindicato, esta é uma oportunidade crucial de dar voz às denúncias e pra exigir melhores condições de trabalho e atendimento para a população.

“Não podemos mais ficar em silêncio diante de uma situação que coloca em risco a vida de nossos pacientes e a nossa própria integridade como profissionais da saúde”, afirma o Simepi.

CONFIRA A NOTA

“Diante das condições precárias, por concurso público e implantação do piso Fenam, convocamos todos os médicos a se unirem em uma paralisação nesta segunda-feira, dia 29 de novembro, a partir das 7h da manhã, em frente ao Lineu Araújo. Esta é uma oportunidade crucial de darmos voz às nossas denúncias e de exigirmos melhores condições de trabalho e atendimento para a população. Não podemos mais ficar em silêncio diante de uma situação que coloca em risco a vida de nossos pacientes e a nossa própria integridade como profissionais da saúde. Nossa luta é pela saúde da população e pela melhoria das condições de trabalho. Contamos com vocês!”

Fonte: Oitomeia


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais