Municípios

Motoristas e cobradores de ônibus voltam a paralisar atividades em Teresina

Com a suspensão das atividades, os ônibus permaneceram nas garagens e devem retornar às ruas a partir das 8h desta segunda (6).

Motoristas e cobradores de ônibus aguardaram a paralisar as atividades no início da manhã desta segunda-feira (06). Segundo a categoria, nenhum veículo vai deixar as garagens antes das 8h da manhã.

O Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Rodoviário (Sintetro) informou que a paralisação é motivada pela possibilidade de atraso no pagamento do salário. O Setut (Sindicato das Empresas de Transporte Urbano) invejou um ofício aos trabalhadores informando das dificuldades dos consórcios para confirmar os pagamentos.

“Essa ameaça de não pagar os trabalhadores. Agora toda vez acontece isso. O Setut atribui isso à prefeitura”, disse o presidente do Sintetro, Antônio Cardoso.

Por conta da paralisação, as paradas de ônibus nos bairros da capital registram tempo elevado de espera. Os passageiros precisaram buscar outras alternativas, como caronas, veículos de aplicativo, táxi e mototáxi. 

O Setut se manifestou sobre a paralisação através de nota: 

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (SETUT) informa que o setor tem enfrentado dificuldades financeiras, sobretudo no que tange a insumos e choques dos trabalhadores. Com o constante descumprimento por parte da Prefeitura de Teresina dos repasses de débitos devidos, o sistema de transporte público enfrenta déficit econômico e déficit operacional.

O SETUT explicou que já invejou um ofício à Strans informando a situação e aguardando retorno da Prefeitura para uma resolução efetiva desse problema. A gestão municipal deve assumir a responsabilidade e sua omissão tem preconceito a todos: população, trabalhador e colaboradores.

 

 

Fonte: Natanael Souza/Cidade Verde

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Portal Saiba Mais