“Não transportamos cliente vindo de São Paulo com coronavírus para Massapê”, dizem mototaxistas de Jaicós em nota

Diante de questionamentos de uma autoridade do município e também de passageiros sobre uma possível “corrida” com cliente vindo de São Paulo infectado com coronavírus para Massapê do Piauí, os mototaxistas de Jaicós se manifestaram na manhã desta quarta-feira (17.jun), por meio de uma nota de esclarecimento.

Veja abaixo:

Nota de Esclarecimento

Na manhã desta terça-feira, 16 junho, um companheiro nosso, também mototaxista, foi procurado por uma autoridade do município, questionando-lhe, qual teria sido de nós, que havia transportado uma passageiro com coronavírus, vindo de São Paulo na madrugada da última segunda-feira, 15 de junho, para o povoado Lagoa Grande, zona rural de Massapê do Piauí, fato até então desconhecido por toda a nossa classe.

No decorrer do dia desta terça-feira, vários companheiros mototaxistas relataram que passageiros durante as corridas, estavam questionando se era verdade que um de nós, havia transportado um homem com coronavírus para Massapê e quem seria.

Devido a proporção da história que mesmo sendo inverídica, já corria pela cidade, nós, preocupados com o nosso trabalho, nosso sustento e prezando pela segurança dos nossos clientes e amigos, resolvemos tirar tudo isso a limpo e apurar o que de fato aconteceu.

Na madrugada da última segunda-feira, 15 de junho, por volta das 2h um senhor vindo de São Paulo, desembarcou em Jaicós, onde uma pessoa de Massapê, em uma moto, a qual não sabemos quem foi e nada tem a ver com a nossa classe de mototaxistas, o recepcionou e o conduziu até o povoado Lagoa Grande.

Este senhor realizou o teste por meio da Secretaria de Saúde do Município de Massapê e deu positivo para o coronavírus. Isto é o que apuramos.

Esclarecemos que nenhum dos nossos companheiros mototaxistas, transportou este senhor, como cogitaram de forma maldosa, insensata e sem qualquer fundamento.

É do conhecimento de toda a população jaicoense que nosso trabalho é realizado somente durante o dia, de segunda a segunda. Não trabalhamos durante à noite, muito menos na madrugada.

Somos, quase na nossa totalidade, pais de famílias, dependemos do nosso trabalho para nos manter e manter aqueles que dependem de nós. Nossa labuta é diária, quer faça chuva, quer faça sol, estamos sempre no batente, movidos pela fé em Deus e a confiança dos nossos clientes, espalhados por Jaicós e toda essa região.

Mesmo sendo humildes, procurando abrigo do sol debaixo de árvores, quando não estamos fazendo corridas, temos consciência plena que somos agentes que ajudam a desenvolver o progresso da nossa querida Jaicós e gozamos da credibilIdade da população.

Que Deus abençoe e proteja todos nós.

Atenciosamente:

Mototaxistas de Jaicós.

Fonte: Portal Saiba Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *