Oito pacientes são curados da Covid-19 e recebem alta médica no Hospital Regional de Picos

Mais oito pacientes se recuperaram da Covid-19 e tiveram alta médica no Hospital Regional Justino Luz, em Picos, nesta quinta-feira, 1º de abril. A informação foi divulgada pela assessoria de comunicação da unidade de Saúde através do boletim epidemiológico divulgado no fim da noite de ontem.

De acordo com o boletim, os oito pacientes que conseguiram se recuperar do novo coronavírus são das respectivas cidades: Alegrete, Fronteiras, Santo Antônio de Lisboa, Campo Sales-CE, Marcolândia e três de Jaicós. Ao todo, o hospital já registrou 880 altas.

Porém, mesmo com o número de pacientes que tiveram alta nesta quinta-feira, 1º de abril, o Hospital segue com 100% de ocupação dos leitos de enfermaria e apenas três vagas disponíveis na UTI covid, situação que preocupa a direção da unidade de Saúde, pois o hospital é responsável por abranger mais de 50 municípios da macrorregião de Picos.

Confira a situação do Hospital Regional de Picos

Na UTI de Síndrome Respiratória Aguda Grave estão internados 17 pacientes:

Picos ( 02 positivos  02 suspeitos )

Francisco Macêdo ( 01 positivo )

Inhuma ( 01 positivo)

Marcolândia ( 02 positivos)

Jaicós ( 01 suspeito)

Itainópolis ( 02 positivos )

Conceição do Canindé ( 01 positivo)

Pimenteiras ( 01 positivo)

Vera Mendes ( 01 positivo)

Simões (02 positivos )

Valença (01 positivo)

Na enfermaria estão internados 43 pacientes:

Picos ( 10 positivos  01 suspeito )

São Julião ( 01 positivo )

Inhuma ( 03 positivos )

Jaicós ( 05 positivos )

Itainópolis ( 02 positivos )

Santana do Piauí ( 01 positivo)

Isaias Coelho (01 positivo)

Pimenteiras (04 positivos)

Campo Grande (01 suspeito )

Ipiranga (01 suspeito)

Pio IX ( 02 positivos)

Santo Antônio de Lisboa (01 positivo )

Marcolândia (03 positivos)

Dom Expedito Lopes ( 02 positivos )

Jacobina ( 01 positivo)

Alegrete do Piauí ( 01 positivo)

Santa Cruz do Piauí (01 positivo )

Simões ( 01 positivo)

Caldeirão Grande (01 suspeito)

 

Por JP on line

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *