Oposição quer investigar boletos vencidos deixados por Padre Walmir

Cinco dos sete vereadores que integram a bancada de oposição na Câmara Municipal de Picos se reuniram para discutir um possível pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Casa Legislativa. As informações são do Grande Picos.

O objetivo da CPI seria investigar a suspeita de que a gestão anterior, do prefeito padre Walmir, teria jogado no colo da atual um montante de aproximadamente 20 milhões em boletos vencidos.

Segundo um ex-integrante do extinto núcleo duro da gestão passada, caso a comissão seja instalada, haverá membro da bancada oposicionista que poderá ter papel duplo na CPI. De acordo com ele, alguns parlamentares poderão passar de investigadores a investigados. Será o que ele quis dizer mesmo? Vale lembrar que parte deles foram, por bom período, aliados do então prefeito.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *