Polícia prende mais um suspeito do novo cangaço e mata outro em confronto

Mais um homem suspeito de participar de um bando de novo cangaço que assaltou duas cooperativas de crédito em Nova Bandeirantes, no começo do mês, foi preso pela Polícia Civil. Outro foi morto em novo confronto com os policiais do cerco à região. As informações são do O Livre. 

Os casos aconteceram no fim de semana em áreas próximas a Nova Bandeirantes. O suspeito preso foi encontrado após denúncia anônima no sábado (26) sobre uma pessoa que estaria pedindo alimentação em fazenda.

Fuga com reféns

O Batalhão de Operações Especiais (Bope) foi ao local para averiguar a ocorrência e foi informado de que o suspeito havia fugido com alguns funcionários da fazenda como reféns, em carro modelo Gol.

Interceptado pelo Bope e por aeronave do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), os policiais identificaram o suspeito e o encaminharam para o batalhão militar de Nova Bandeirantes.

Segundo a polícia, o suspeito carregava um fuzil, mais de 300 munições de calibre 5.56, pouco mais de R$ 133 mil em dinheiro, diversas peças de roupas, um celular, dois carregadores de celular, duas placas balísticas, uma capa de colete balístico, um radiocomunicador, vários cartões de crédito, uma rede, uma mochila e um relógio.

Nova morte

Já o suspeito morto em confronto estaria a caminho de uma balsa do rio Juruena, no Distrito de Juripuanã, em um grupo de cinco pessoas. A denúncia feita à Polícia Militar era de homens armados que tentavam roubar uma caminhonete.

Na aproximação dos policiais, suspeitos teriam começado a disparar contra a equipe, que revidou. Um dos suspeitos foi atingido e morreu.

Com ele foi apreendida uma pistola calibre 380, mochila com rede, vestimentas, uma quantia de R$ 4.640 em dinheiro e joias. Os demais fugiram pela mata e as equipes do Bope fazem buscas.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *