Prefeito de Amarante é alvo de operação do Gaeco; 13 mandados são cumpridos

O prefeito de Amarante (a 160 km de Teresina), Diego Teixeira (Progressista), foi alvo de uma operação desencadeada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado e do Tribunal de Contas do Estado (TCE). A operação Cartão Vermelho cumpre 13 mandados de busca e apreensão, sendo quatro de Amarante, sete em Teresina, um em Campo Maior e outro em Valença.

As apreensões têm o objetivo de desarticular um suposto esquema de desvios de recursos públicos das áreas de educação e infraestrutura. A operação conta com o apoio das Polícias Civil e Militar.

Em Amarante, os mandados foram cumpridos na residência do prefeito do município e do secretário de finanças, em uma construtora e na casa do proprietário.

Já na capital, os mandados de busca e apreensão foram efetuados em um escritório de advocacia e empresas de dedetização e de operação de cartão de crédito. Em Campo Maior, foi realizado em uma empresa que seria de fachada e Valença em uma chácara.

As denúncias teriam partido da Câmara Municipal do município de Amarante.

Vídeo do prefeito

O prefeito de Amarante, Diego Teixeira, enviou um vídeo dizendo que não recebe com surpresa a operação porque desde quando assumiu em 2017, tem denúncias contra ele e sempre prova sua inocência.

“Fiquei sabendo que a Polícia Civil faz uma operação em Amarante. Isso não me surpreende, porque todos sabem que na eleição passada passei por uma situação parecida e  provamos nossa inocência na Justiça (…). Não recebo com surpresa, porque desde 2017 quando eu assumi, que os vereadores de oposição fazem denúncias no Tribunal de Contas do Estado, no Ministério Publico, já respondemos várias denúncias e arquivamos várias denúncias. Mas, a polícia está no papel dela de investigar e trazer a tona todos os fatos, que no final mostramos que não existe nada de errado no nosso município. Fiquem tranquilos, nosso trabalho continua e está ai para todo mundo ver e vamos para frente”, afirma o gestor que é pre-candidato à reeleição.

 

 

Caroline Oliveira/Cidade Verde

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *