Ricardinho perde avô vítima da Covid-19, 48h após perder o pai

“Não consigo acreditar nisso. Agora meu vôzinho está junto do meu pai.” disse o centroavante.

Dois dias após perder o pai, o centroavante Ricardinho, do Grêmio,perdeu o avô nesta quinta-feira (01/04), vítima de complicações da Covid-19. José Alfredo Luis França, pai da mãe do atleta, estava intubado e lutava para se recuperar.

Nas redes sociais, o clube gaúcho lamentou a morte do avô do jogador. “Mais uma vez os nossos sentimentos estão com a família e amigos do atacante Ricardinho… Nossos corações estão com vocês, desejando força para superar mais este momento difícil”.

O atacante gremista vive um drama pessoal, já que perdeu o pai, Ricardo Viana, na última terça-feira (30/03), também vítima da Covid-19.

No empate com o São Luiz, nesta quarta, o atacante Léo Pereira homenageou o companheiro ao repetir a comemoração dos gols, um gesto de Ricardinho para o pai.

Nas redes sociais, Ricardinho postou fotos em homenagem ao avô e escreveu: “Não consigo acreditar nisso. Agora meu vôzinho está junto do meu pai.”

O centroavante gremista estava liberado desde a última terça, mas voltou na noite de quarta-feira para Porto Alegre e seguirá integrado aos trabalhos apesar do falecimento do avô.

Por Meio Norte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *