Segunda dose da Astrazeneca será aplicada 30 dias após 1ª dose no Piauí

Antes, o intervalo entre a aplicação das doses da Astrazeneca estava sendo de 90 dias no Piauí.

A partir de agora, o prazo para aplicação da segunda dose da vacina Astrazeneca, desenvolvida pela Universidade de Oxford com a Fiocruz, será de 30 dias no Piauí. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (10) ao GP1 pela vice-presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Estado, Leopoldina Cipriano.

O Conselho reuniu ontem a Comissão de Intergestores Bipartite (CIB) para tratar da nova estratégia de aplicação. A vice-presidente do conselho informou que a decisão foi tomada em razão da grande quantidade de doses do imunizante que o estado já dispõe. Antes, o intervalo entre as doses da Astrazeneca estava sendo de 90 dias no Piauí desde o início da vacinação, no entanto o laboratório da Astrazeneca permite que a segunda aplicação seja feita entre a quarta e a 12ª semana.

“Sim, pactuamos isso ontem na Comissão de Intergestores Bipartite. O prazo para aplicação da segunda dose da Astrazeneca de um mês a 90 dias e como os municípios estavam com as vacinas nas geladeiras, decidimos antecipar e agora a partir de 30 dias vamos estar aplicando a segunda dose. O Ministério da Saúde está enviando mais doses da Astrazeneca, então com essa demanda é possível vacinar desta forma”, confirmou Leopoldina Cipriano.

Hoje, a Fundação Municipal de Saúde Teresina (FMS) aplica a primeira dose da Astrazeneca em trabalhadores da educação que atuam na Capital, com idades entre 40 e 59 anos em oito postos drive-thru. Amanhã (11), a vacinação prossegue para os trabalhadores da educação de 18 a 39 anos. A vice-presidente do Conselho, informou que a mudança de intervalo entre as doses já vale para esse público. “As pessoas que recebem a dose da Astrazeneca hoje, em todos os municípios, já terão agendada a segunda aplicação para daqui 30 dias”, completou.

As pessoas que já tomaram a primeira dose da Astrazeneca e estão aguardando o prazo de 90 dias podem solicitar a antecipação da segunda dose, basta se dirigir a uma Unidade Básica de Saúde (UBS) levando o cartão de vacina e demais documentos. “Sim, as pessoas podem estar se digirindo a UBS mais próxima e solicitar a antecipação da segunda dose”, finalizou.

 

Por GP1

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *