Sejus suspende recebimento de novos presos na cadeia pública de Altos após suspeita de infecção

A Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus-PI), atendeu sugestão do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Estado do Piauí (Sinpoljuspi) para suspender, de imediato, o recebimento de novos presos na Cadeia Pública de Altos-PI.

A medida foi tomada diante da situação preocupante no estabelecimento prisonal, onde aproximadamente 50 detentos apresentam problemas de saúde, com suspeita de infecção.

O sindicato informa que estará oficiando a Sejus como ato de formalização desta medida e de outras como realização de exames preventivos nos Policiais Penais (mesmo estes não apresentando sintomas) e de garantia do fornecimento de àgua mineral, inclusive para a realização das refeições, já que há indícios de contaminação pela água da Unidade Prisional.

Confira a nota na íntegra:

NOTA INFORMATIVA SINPOLJUSPI 

1. Diante da situação preocupante na Cadeia Pública de Altos-PI, onde aproximadamente 50 detentos apresentaram problemas de saúde com suspeita de uma infecção, apesar das medidas já adotadas pela SEJUS/SESAPI, após visita no local na tarde desta sexta-feira  (08/05/2020), quando Diretores do SINDICATO dialogaram com os Policias Penais que ali laboram para melhor compreender o contexto e busar soluções, considerando a gravidade da situação e que aquela Unidade Prisional já se encontra com cerca de 750 presos, o Presidente do SINPOLJUSPI, Kleiton Holanda, manteve contato com o Secretário da Justiça (Carlos Edilson) e como forma de melhor controle da situação sugeriu que fosse adotada como medida urgente a SUSPENSÃO IMEDIATA NO RECEBIMENTO DE NOVOS PRESOS, sendo a sugestão prontamente atendida pelo Secretário.

2. O SINPOLJUSPI entende que seria uma medida pertinente e necessária para que a gestão da Unidade possa concentrar esforço no enfrentamento da situação, até que se possa ter um melhor diagnóstico do real problema de saúde que está afetando os presos. Com isso, SINPOLJUSPI agradece ao Secretário da Justiça, Carlos Edilson, pelo diálogo franco e pronto atendimento da sugestão.

3. O SINPOLJUSPI, tendo em vista a vivência de seus Diretores com a realidade prisional, inclusive experiências relacionadas à gestão, sempre se dispôs a colaborar com ideias pela melhoria no funcionamento do Sistema Prisional do Piauí, assim como já havia cobrado e sugerido mudança na gerência da Penitenciária José de Ribamar Leite, que finalmente após ser atendida pelo Secretário Carlos Edílson, está demonstrando resultados extremamente satisfatórios, não apenas para aquela Unidade Prisional, como também para o Sistema Prisional Piauiense como um todo.

4. O Sindicato estará Oficiando a SEJUS como ato de formalização desta medida e de outras como realização de exames preventivos nos Policiais Penais (mesmo estes não apresentando sintomas) e de garantia do fornecimento de àgua mineral, inclusive para a realização das refeições, já que há indícios de contaminação pela água da Unidade Prisional.  Ademais, o Sindicato continuará acompanhando a situação e desde já se coloca à disposição dos Policiais Penais daquela Unidade Prisional.

Teresina (PI), 08/05/2020
Kleiton Holanda Pereira
Presidente do SINPOLJUSPI

Por 180graus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *