Van Gaal diz desconfiar de armação para Messi ser campeão do mundo: ‘Foi premeditado’

Louis Van Gaal, treinador da Holanda durante a Copa do Mundo do Catar, acredita que houve uma articulação para que Messi e a Argentina fossem campeões.

Os holandeses foram eliminadas pelos argentinos nas quartas de final do torneio, e Van Gaal defende que a arbitragem favoreceu a seleção sul-americana ao não punir lances que, aos olhos do treinador, foram violentos.

“Veja como marcou a argentina, como nós marcamos e como alguns jogadores argentinos passaram do limite sem nenhuma punição. Acredito que tudo foi premeditado”, disse o técnico, durante evento de premiação do Campeonato Holandês, em entrevista ao canal de TV holandês Noos.

Em seguida, o jornalista pergunta o que Van Gaal quis dizer e ele responde: “Quero dizer tudo o que digo. Que Messi deveria ser campeão mundial? Acho que sim”.

Mais tarde, o Noos também falou sobre o assunto com o zagueiro Virgil Van Dijk, do Liverpool, que disputou a Copa do Catar como capitão e está reunido com a seleção holandesa, agora comandada por Ronald Koeman, para a disputa das Eliminatórias da Eurocopa.

“Ele pode dizer o que ele quiser, é a opinião dele, mas eu não concordo com ele e não compartilho da mesma opinião”, discordou o defensor.

O jogo entre Argentina e Holanda, encerrado com vitória argentina nos pênaltis após empate por 2 a 2 na soma do tempo regulamentar com a prorrogação, foi um dos mais tensos e recheados de provocações do Mundial de 2022.

Não à toa, terminou com 18 cartões distribuídos pela arbitragem, recorde na história das Copas do Mundo. Foi depois desse duelo que Messi disparou a famosa frase “Que mira, bobo?” em direção ao atacante holandês Weghorst, enquanto concedia uma entrevista.


Fonte: Estadão Conteúdo


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais