Advogado de ex-goleiro Bruno assume defesa de Thiago Mayson no caso Janaína e júri é adiado

O advogado Ércio Quaresma Firpe assumiu a defesa de Thiago Mayson da Silva Barbosa, há dois dias, acusado de matar a estudante de jornalismo Janaína Bezerra, dentro da Universidade Federal do Piauí (UFPI), em janeiro deste ano. O julgamento estava marcado para esta sexta-feira (1º) e foi adiado para o final do mês. Um vídeo gravado pela família mostra Thiago Mayson deixando o Fórum Criminal.

Para o adiamento, o novo advogado alegou compromissos agendados anteriormente em Minas Gerais e não se apresentou na sessão de julgamento agendada para hoje.

A defesa de Thiago Mayson tentou adiar o julgamento para o mês de dezembro, mas o juiz Antônio Nollêto, da 1ª Vara do Tribunal do Júri, entendeu que o prazo de 20 a 30 dias seria suficiente. O novo julgamento deve acontecer próximo ao dia 26 de setembro.

Ércio Quaresma Firpe atuou na defesa do ex-goleiro Bruno, que foi condenado pela morte de Eliza Samúdio. Bruno foi pra o regime semaberto em 2018 e desde janeiro de 2023 está em liberdade condicional.

A professora da Uespi e membro da Frente Popular de Mulheres Contra o Feminicídio, Ana Célia Sousa, comentou sobre a entrada de um novo advogado no caso.

“Fomos surpreendidas há dois dias com a habilitação de um novo advogado para o caso. Sabemos que essa é uma manobra para adiar novamente o julgamento”, explicou.

O promotor do caso é o Benigno Filho que tem como assistente de acusação os advogados Florence Rosa e Adonis Silva. A equipe de advogados que acompanha a família de Janaina Bezerra entende que ssa foi uma manobra da defesa para ganhar mais tempo e assim pedir a liberdade provisória do réu.

“Se o novo julgamento ficasse para dezembro, a defesa do réu poderia pedir a liberdade provisória dele, alegando excesso de prazo”, disse o advogado, Adonis Silva, da assistência da acusação e representante do coletivo Advocacia Popular Piauiense.

A mãe de Janaina Bezerra, Maria do Socorro Nunes, questionou quem está pagando a defesa de Thiago Mayson.

“Quem está pagando esses advogados para ele? Eu quero saber”, disse emocionada.

Após o adiamento do julgamento, os manifestantes que aguardavam o julgamento ao lado da família, amigos e vizinhos de Janaina Bezerra se dirigiram até a Corregedoria do Tribunal de Justiça do Piauí, para denunciar o que eles denominaram de “manobra do Judiciário” para adiar o julgamento.

Em seguida os manifestantes vão se dirigir até a sede da Ordem dos Advogados do Piauí (OAB- PI) para denunciar a postura dos advogados que atuam na defesa de Thiago Mayson.


Fonte: Cidade Verde


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais