Alcolumbre afirma que vai pautar a sabatina de Mendonça só depois de decisão do STF

Indicado pelo presidente Jair Bolsonaro está aguardando há dois meses

Depois da judicialização da sabatina de André Mendonça para o Supremo Tribunal Federal (STF), o presidente da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania do Senado (CCJ), Davi Alcolumbre, disse que vai esperar o STF para definir a data da sabatina do ex-advogado-geral da União.

Mendonça foi indicado há mais de dois meses para ocupar a cadeira de Marco Aurélio Mello. Desde então, o escolhido por Jair Bolsonaro tem tomado “chá de cadeira” de Alcolumbre. A sabatina é um rito obrigatório e fica a cargo do presidente da CCJ escolher o momento em que vai defini-la.

“Agora está sub judice, não posso me manifestar”, declarou Alcolumbre, em entrevista à CNN Brasil, na quarta-feira 22. “Fiquem tranquilos, vamos decidir. Mas não posso me manifestar porque agora judicializou.”

Por Revista Oeste

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *