Apolinho, radialista e ex-técnico do Flamengo morre aos 87 anos

Apolinho estava sendo submetido a um tratamento contra um câncer no fígado

Washignton Rodrigues morreu na noite dessa quarta-feira (15aos 87 anos. Conhecido popularmente como Apolinho, ele era radialista da Super Rádio Tupi, comentarista de esporte e havia sido técnico do Flamengo em meados dos anos 90.

Apolinho já estava sendo submetido a um tratamento contra um câncer no fígado e se encontrava internado no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro. Apesar do intenso tratamento contra a doença, um dos ícones da comunicação esportiva do Brasil não resistiu ao tumor agressivo. O radialista deixa três filhos e sete netos.

Além da Rádio Tupi, Washignton Rodrigues também passou por outras emissoras de rádio como Globo, Nacional e Guanabara. Ele comandava o programa “Show do Apolinho” na Rádio Tupi. Esse apelido foi dado pelo seu amigo de carreira e também locutor Celso Garcia originando-se do fato de ele utilizar um microfone sem fio, o que lembra dos usados pelos astronautas da missão espacial Apollo 11 (1969).

Apolinho aceitou o convite para assumir o cargo de técnico do Flamengo em 1995, feito pelo então presidente Kléber Leite. Além de liderar o time durante o Campeonato Brasileiro e a Supercopa, sua missão era unir um elenco repleto de estrelas, incluindo nomes como Romário, Edmundo e Sávio. Apesar de não possuir formação em Educação Física ou experiência como treinador, Apolinho contou com o auxílio de Artur Bernardes e Paulo César Gusmão para desempenhar suas funções.

Ao todo, o comentarista, conhecido por sua paixão pelo Flamengo, dirigiu o clube em 26 partidas, conquistando 11 vitórias, oito empates e sofrendo sete derrotas. Naquela temporada, o Rubro-Negro terminou o Campeonato Brasileiro em 21º lugar, dentre 24 times, e foi vice-campeão da Supercopa dos Campeões da Libertadores, perdendo o título para o Independiente da Argentina.

Fonte: Portal o Dia


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Portal Saiba Mais