Campo Maior: atividades econômicas retornam na terça-feira

A Prefeitura do Município apresentou o protocolo de retomada dos serviços não-essenciais. No entanto eventos religiosos e esportivos seguem sem autorização para acontecer.. Veja medidas:

A Prefeitura Municipal de Campo Maior elaborou um protocolo de flexibilização das regras de isolamento social para garantir a retomada gradual e segura das atividades econômicas na cidade. O plano foi apresentado durante reunião do prefeito Professor Ribinha com representantes do comércio campomaiorense e representantes das forças seguranças, setor sanitário e igrejas da cidade. O protocolo prevê a reabertura das atividades não essenciais a partir da próxima terça-feira (09).

No entanto, para garantir a segurança e a integridade física da população e dos agentes públicos e privados, foram estabelecidas determinadas regras no procolo. Dentre as quais, se destacam: o uso obrigatório de máscara por todos os moradores de Campo Maior, o controle do fluxo de pessoas dentre dos estabelecimentos, o distanciamento físico de pelo menos dois metros entre uma pessoa e outra, a utilização obrigatório de álcool em gel 70%, a limpeza obrigatório de superfícies de uso comum e a instalação de alertas visuais informando a distribuição espacial de clientes e funcionários dentro dos estabelecimentos.

O texto prevê ainda a aplicação de um questionário de monitoramento de saúde dos trabalhadores para dar um vislumbre da evolução da covid-19 em Campo Maior com a flexibilização dos serviços não essenciais.

Ainda segundo o protocolo, todos os segmentos econômicos poderão retornar ao seu funcionamento, com exceção e churrascarias, bares, lanchonetes, traillers de alimentação e congêneres. Continuam suspensas as aulas da rede pública e privada do município, os eventos esportivos, eventos religiosos e shows e festas.

Situação na cidade

De acordo com o último boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi), Campo Maior contabiliza atualmente 203 casos confirmados do novo coronavírus e quatro óbitos decorrentes da doença. A taxa de incidência da covid-19 na cidade é de 43,35 casos para cada grupo de 100 mil habitantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *