Chuvas de fevereiro aumentaram volume de água da Barragem de Bocaina

A expectativa é que o reservatório alcance um nível maior que o do ano passado

A Barragem de Bocaina, já aumentou cerca de dois milhões de metros cúbicos de água, com as chuvas registradas durante o mês de fevereiro.

De acordo com o técnico do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas- DNOCS, Francisco Teixeira, antes das chuvas o reservatório estava com 60 milhões de metros cúbicos de água.

“Nossa expectativa é que com as chuvas de março o nível da barragem ultrapasse os 86m2 registrados no ano passado, uma vez que quando o reservatório começou a aumentar o seu volume estava em cerca de 20%”, explicou durante entrevista ao Picos 40 Graus.

Ainda segundo Francisco Teixeira, a barragem de Bocaina passou recentemente por manutenção e é considerado um reservatório seguro, não oferecendo riscos de rompimento ou problemas similares.

Histórico

A barragem foi construída próxima a nascente do Rio Guaribas e tem capacidade para armazenar 106 milhões de metros cúbicos de água, que quando está cheia, chega a formar um imenso lago de até 28 quilômetros de extensão.

Construída no início da década de 80, no antigo povoado Varjota, pelo 3º Batalhão de Engenharia de Construção (3°BEC), o reservatório tinha como objetivo principal amenizar a seca nas cidades de Bocaina, Sussuapara e Picos, além de dar maior perenidade ao Rio Guaribas. Com o tempo tornou-se opção de lazer por ser uma das maiores barragens do Piauí.

No período de 2004 a 2009, a Barragem de Bocaina atingiu um de seus níveis históricos quanto ao volume de água, onde comportou 100% da sua capacidade.

Por Picos4ograus

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *