Com expulsão polêmica, Bahia vence Botafogo e encosta no G-6

O Bahia mostrou sua força dentro de casa e venceu o Botafogo por 2 a 0, nesta quarta-feira (25), em Salvador. O jogo na Arena Fonte Nova ficou marcado pela polêmica expulsão de Gilson ainda no primeiro tempo. O lateral esquerdo levou o cartão vermelho por uma suposta falta como último homem. A arbitragem não teve dúvida e viu a decisão ser ratificada pelo VAR. Os gols da partida foram marcados por Arthur e Élber.

Com o resultado, o Bahia cola ainda mais no G-6 ao chegar aos 34 pontos e pular para a sétima posição. O Tricolor volta a campo na segunda-feira (30), quando visitará o Avaí, na Ressacada.

O Botafogo, por sua vez, se mantém com 27 pontos na 11ª posição. O Alvinegro segue fora do Rio de Janeiro e visita o Fortaleza também na segunda, no Castelão.

Com os desfalques, o técnico Eduardo Barroca decidiu escalar Diego Souza mais recuado, jogando centralizado armando as jogadas. Mais participativo, o camisa 7 mostrou categoria na distribuição dos lances e deixou Victor Rangel, titular no comando do ataque, em boas condições. Após dividida com o goleiro Douglas, Lucas Campo tentou marcar de cobertura, mas a defesa do Bahia afastou.

Os donos da casa ficavam com a bola, mas tinham dificuldade de furar a defesa do Botafogo. Na primeira vez em que ficou exposto, o Alvinegro levou o gol. Élber e Moisés dobraram em cima de Marcinho e o lateral esquerdo cruzou na medida para Arthur aproveitar cochilada de Gilson para marcar: 1 a 0, aos 23min.

A partida de Lucas Campo é para ser esquecida. O atacante trombou com João Paulo e armou contra-ataque do Bahia, com Élber. O atacante usou velocidade e foi supostamente derrubado por Gilson, último homem da defesa. A arbitragem não teve dúvida e expulsou o lateral do Botafogo – o VAR ratificou a polêmica decisão.

Após abrir o placar e ficar com um jogador a mais em campo, o Bahia ampliou seu domínio sobre o Botafogo, que passou a atuar bem acuado. O problema é que a pontaria não estava tão boa e as oportunidades foram perdidas em série. A que mais passou perto foi uma cobrança de falta de Gilberto.

Após perder gols, o Bahia finalmente ampliou na Fonte Nova. Com pontas inspirados e bastante participativos, os donos da casa viram Arthur fazer jogada em velocidade pela direita e cruzar na media para Élber escorar: 2 a 0.

BAHIA
Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho, Moisés; Gregore, Flávio, Guerra (João Pedro); Élber (Arthur Caíke), Artur, Gilberto (Fernandão). T.: Roger Machado
BOTAFOGO
Gatito; Marcinho, Marcelo, Gabriel, Gilson; Cícero, João Paulo (Bochecha), Lucas Campos (Lucas Barros); Pimpão, Diego Souza (Rickson), Victor Rangel. T.: Eduardo Barroca
Estádio: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Juiz: Flávio Rodrigues de Souza (SC)
Cartões amarelo: Élber (Bahia)
Cartão vermelho: Gilson (Botafogo)
Gols: Arthur, aos 23min do primeiro tempo, e Élber, aos 17min do segundo tempo

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *