Corpo de vereador Messias Porteira ainda aguarda liberação no IML de SP

O corpo do vereador de Jaicós, João Messias da Costa, morto após ser esfaqueado durante uma briga no estado de São Paulo, ainda segue no Instituto Médico Legal (IML) de Matão, cidade onde ocorreu o crime.

RELACIONADA

Morre em Matão-SP aos 34 anos o vereador jaicoense Messias Porteira

Segundo informações do presidente da Câmara Municipal de Jaicós, vereador João Bosco, um irmão de João Messias, que mora em Matão, está cuidando do processo de liberação e ainda não há previsão da chegada do corpo ao Piauí.

Quando desembarcar em Jaicós, a Câmara Municipal irá realizar uma sessão extraordinária e em seguida, o corpo seguirá para o velório que também será realizado no município.

“Quando o corpo chegar à cidade vai se dirigir para a Câmara, para fazer uma sessão extraordinária de memória ao vereador, e depois o corpo vai ser velado em um estabelecimento de João Messias aqui”, informou o vereador João Bosco.

Ainda de acordo o presidente da Câmara Municipal de Jaicós, Messias Porteira, como era mais conhecido, possuía um comércio em Matão (SP) e durante os recessos da Casa costumava ir para a cidade paulista. Ele deixa uma esposa e quatro filhos.

A prefeitura de Jaicós emitiu uma nota de pesar e decretou luto oficial de três dias na cidade. Outros políticos também se solidarizaram com a perda precoce do parlamentar.

O vereador João Bosco acrescentou ainda que a morte de Messias Porteira causou uma grande comoção em toda a cidade. Sobre sua cadeira na Câmara Municipal, o presidente da Casa explicou que enviará um ofício para o cartório eleitoral comunicando o ocorrido.

“Vamos oficiar para o cartório eleitoral para que ele possa nos informar os suplentes para assumir a cadeira dele”, acrescentou.

Por Cidade Verde

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.