Esposa de diretor de hospital no Piauí é presa por furto de energia

Segundo informações, a prisão foi feita em Amarante. No momento da prisão outra equipe constatou o furto de energia

Uma mulher identificada como Milena Pereira de Oliveira, foi presa pela polícia civil, ela é esposa do diretor do Hospital de Regeneração e também atua como dentista. A mulher é suspeita de realizar o crime de furto de energia, após uma verificação feita pela equipe da empresa Equatorial.

Segundo informações, a prisão foi feita em Amarante. No momento da prisão outra equipe constatou o furto de energia. Ela foi presa e conduzida para Delegacia Regional de Polícia Civil de Água Branca, onde foi autuada em flagrante.

Milena é esposa do médico, Dr. Laécio Batista Veloso e Silva, que foi candidato a vereador nas últimas eleições em Regeneração e é o atual diretor do hospital do município, foi procurado, mas não foi encontrado. Ele também será alvo do inquérito policial.

PRISÕES POR FURTO DE ENERGIA EM TERESINA

Em Teresina nos meses de abril e maio, empresários também foram alvos de prisões por furto de energia. Geralmente as ações solicitadas pela Equatorial, após constatar o crime no local.

Em abril, os empresários identificados como Francisco José da Cunha Almeida e Amaury Costa Cruz, donos do restaurante Dom Nelore Leste, e a empresária Lívia Carvalho Costa, sócia da choperia e restobar Zero Grau, foram presos  pela Polícia Civil sob acusação de furto de energia.

Já em maio, mais dois empresários identificados como  Ilkon Neco do Nascimento, proprietário do bar e restaurante Bariloche, e Carlos Eduardo Pereira Nunes, dono do Açaí no Grau, do Buenos Aires, localizados na zona norte de Teresina, também foram presos pela Polícia Civil

 Os empresários foram  são acusados de furtarem energia nos estabelecimentos,  sendo caracterizado como furto qualificado mediante fraude.

 

Por | Piauí Hoje

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *