Ex-prefeito passa mal, cai de moto e morre de parada cardíaca em cidade do Piauí

O ex-prefeito de Sigefredo Pacheco/PI, Raimundo Pereira Neto, morreu aos 69 anos na manhã desta terça-feira (06/07). As informações são do Em Foco.

Segundo a família, ele estava em uma motocicleta quando sofreu mal súbito. Ao ser socorrido por moradores disse não estar sentindo-se bem. Uma ambulância foi acionada, mas ele acabou morrendo após sofrer ataque cardíaco na comunidade Lagoinha, zona rural do município.

O corpo será velado na Rua Moisés da Mata. O sepultamento acontecerá na manhã desta quarta-feira (07/07), no Cemitério Chapada.

Ex-prefeito morre em Sigefredo Pacheco
Ex-prefeito morre em Sigefredo Pacheco Arquivo pessoal

Biografia

Raimundo Pereira Neto foi vereador pela cidade de Campo Maior em duas oportunidades. Se elegeu pelo PSD em 1982, se reelegendo em 1988, pelo PFL, sendo o segundo parlamentar mais votado naquele pleito.

Em 1996 disputou a prefeitura do recém-criado município de Sigefredo Pacheco. Raimundo Pereira (PPB)foi eleito com 2.612 votos (52,54%), contra 2.229 (44,84%) votos do principal adversário, Marco Antonio Bona (PMDB). O município teve um terceiro candidato naquele pleito: Jose Machado Rocha (PT) que atingiu 130 votos.

Raimundo Pereira foi uma dos primeiros prefeitos do Piauí a ter o mandato cassado por irregularidades na aplicação de recursos federias. Ele assumiu o mandato em janeiro de 1997, mas foi interrompido pela justiça em outubro de 1999, um ano antes do fim.

Segundo o Tribunal de Contas da União, enquanto prefeito, o gestor não aplicou corretamente recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, que chegou a pouca mais de R$ 66 mil.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *