Federação de Ciclismo do Piauí suspende calendário por conta da pandemia de covid-19

Avanço de casos, falta de leitos na rede hospitalar e decreto estadual fazem entidade adiar início da temporada, antes marcada para começar no dia 14 de março.

A Federação de Ciclismo do Piauí (FCP) suspendeu o início do calendário 2021 da modalidade. A decisão foi tomada em virtude da falta de vagas na rede hospitalar por conta da pandemia, e do decreto estadual com medidas restritivas para combater o avanço do novo coronavírus, que veta atividades esportivas que envolvam aglomerações.

Em nota divulgada nesta quinta-feira, a FCP explicou que a média de público e ciclistas em eventos da modalidade no Piauí ultrapassa 100 pessoas. A reunião de muitos participantes pode configurar em aglomeração, situação apontada por especialistas como de risco mais elevado para propagação do novo coronavírus.

Nota da Federação de Ciclismo do Piauí suspendendo o início do calendário 2021 — Foto: Reprodução/FCP

Nota da Federação de Ciclismo do Piauí suspendendo o início do calendário 2021 — Foto: Reprodução/FCP

O calendário conta com mais de 30 provas, algumas delas inéditas. As primeiras competições agendadas eram a Imperador Race, dia 14 de março, em Pedro II, Norte do Estado, e a primeira etapa da Short Track, no dia 21, em Teresina – ambas de mountain bike.

Fernando Correia Lima, presidente da FCP, informou que os organizadores poderão reagendar seus eventos para outras datas, especialmente os marcados para março e abril, mas sempre em conformidade com as recomendações sanitárias e das autoridades.

Mountain bike no interior do Piauí — Foto: Azimute l/ Moisés Saba

Mountain bike no interior do Piauí — Foto: Azimute l/ Moisés Saba

– A medida aqui tomada visa a segurança de toda a comunidade ciclística, além da preservação da integridade e saúde de todos os atletas, participantes, bem como da população das cidades onde ocorrerão os eventos. Contamos com a compreensão e solidariedade de todos para atravessarmos juntos esses momentos difíceis – diz a nota da FCP.

Por lei estadual, atividades esportivas são consideradas essenciais. Por isso, a prática de ciclismo continua liberada em todo o Piauí, desde que siga todas as recomendações preventivas e sem aglomerações.

Prova de Ciclismo de Estrada em Teresina, em 2015 — Foto: Emanuele Madeira/Globoesporte.com

Prova de Ciclismo de Estrada em Teresina, em 2015 — Foto: Emanuele Madeira/Globoesporte.com

Somente na última quarta-feira, o Piauí teve 799 novos casos confirmados e 15 mortes confirmadas por covid-19. O número de óbitos por conta da doença passa de 3.400.

Por Globoesporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *