Girão consegue assinaturas, e Senado pode votar convocação de Moraes

A intenção é convidar o ministro para um debate sobre a validade dos inquéritos das fake news e dos atos ‘antidemocráticos’

O senador Eduardo Girão (Podemos-CE) conseguiu a quantidade necessária de assinaturas para que o plenário da Casa avalie a convocação do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Na sexta-feira 1º, 29 parlamentares já haviam assinado o requerimento.

A intenção é convidar o magistrado para um debate sobre a validade dos inquéritos das fake news e dos atos “antidemocráticos”.

Para que o requerimento seja votado, terá de ser posto em pauta pelo presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). A expectativa de Girão é que a deliberação ocorra até a próxima terça-feira, 5.

Em entrevista a Oeste, Girão disse que a pressão popular sobre os senadores será fundamental para o avanço da votação. “O Senado está tomado por discursos de indignação contra as decisões impostas ao deputado Daniel Silveira”, afirmou. “Lasier Martins, Plínio Valério, Carlos Viana e Oriovisto Guimarães são exemplos disso. As pessoas perceberam o exagero nesse caso.”

De acordo com o parlamentar, Moraes está conduzindo o processo de maneira pessoal. “Isso não é saudável para as instituições, para a democracia”, ressaltou.

Na sexta-feira, Girão já havia criticado a postura do ministro. “Trata-se de uma escalada autoritária sem precedentes na História”, afirmou. “Não estou referendando o comportamento de Daniel Silveira, que deve responder por seus excessos pelas vias naturais do processo legal. Mas nada justifica essa perseguição implacável do ministro Alexandre de Moraes, que está inibindo o exercício do mandato de um parlamentar eleito democraticamente.”

Por Revista Oeste

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *