Jovens operários de São Julião/PI são mortos em chacina no Mato Grosso

Dois jovens de São Julião foram mortos a tiros nesta noite de segunda-feira, 06 de junho, na cidade Vera, pequeno município próximo a Sinop, no Estado do Mato Grosso.

De acordo com informações repassadas à reportagem, era por volta das 22h quando homens armados invadiram o alojamento onde os operários estavam pernoitando e abriram fogo contra as vítimas. As informações são do Portal É Notícias

Pelo menos três operários morreram ainda no local e outros foram dois transferidos em estado grave para a unidade de saúde de Vera.

Entre os mortos, dois são do município de São Julião. Eles foram identificados por Francisco Roniel de Sousa e Adécio de Oliveira Filho. As outras vítimas, ainda não identificadas são do município de Campo Grande do Piauí.

Ainda não há informações sobre a motivação da chacina. O fato causou grande comoção em São Julião, cidade bastante conhecida por seu povo trabalhador, que deixam suas casas e vão para o trecho em busca de uma vida melhor para seus familiares.

Atualização 11h15

Os dois jovens de São Julião morreram no local, os outros feridos são da cidade de Campo Grande do Piauí e foram socorridos até a unidade de saúde mais próxima do município de Vera. Informações dão conta que havia outros ocupantes no alojamento que ao ouvirem os disparos, conseguiram fugir e saíram ilesos.

Adécio de Oliveira Filho é natural de São Julião e residia em frente ao Hospital Municipal Luiz Gonzaga da Rocha. Filho do casal evangélico conhecidos por Irmã Ilsa e Irmão Adécio. Ele também era casado e pai de filhos pequenos.

Os dois jovens de São Julião havia viajado recentemente para a cidade de Vera/MT, onde prestavam serviços para uma empresa terceirizada de uma usina de celulose.

Sepultamento

A família informou à nossa reportagem que está se organizando para realizar o traslado dos corpos que serão sepultados em São Julião – PI.

Francisco Roniel de Sousa
Adécio de Oliveira Filho

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *