Luís Correia: Empresária morta em Shopping respondia na Justiça por tráfico de drogas

De acordo com o MPPI, Sâmia Priscila foi presa em 2015 após ter sido encontrada com drogas e uma arma em um veículo.

De acordo com o MPPI, Sâmia Priscila foi presa em 2015 após ter sido encontrada com drogas e uma arma em um veículo.

De acordo com o Ministério Público do Piauí, Sâmia foi presa em 2015 após ter sido encontrada com drogas e uma arma em um veículo, que foi abandonado por outros dois passageiros que fugiram. Após a prisão, ela foi solta através de um Habeas Corpus.

á em 2020, Sâmia voltou a ser presa acusada de tráfico de drogas, juntamente com outras três pessoas, mas respondia em liberdade. No site do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) é possível encontrar o nome de Sâmia relacionado a outros processos criminais.

Entenda o caso

Uma mulher, identificada como Samya Priscila, morreu e um homem ficou gravemente ferido, após terem sido atingidos por disparos de arma de fogo, na noite deste sábado (04), dentro do Shopping Amarração, localizado na cidade de Luís Correia, litoral do Piauí.

Em entrevista ao meionorte.com, o tenente Olavo Sales, da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTUR), informou que a vítima fatal era proprietária de uma loja do shopping. Ela estava no estabelecimento quando dois suspeitos armados surpreenderam a uma funcionária da loja.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *