Pai dos goleiros Alisson e Muriel é achado morto em barragem no RS

Ele havia desaparecido na tarde de quarta-feira (24) após entrar em açude na propriedade da família.

José Agostinho Becker, pai dos goleiros Alisson, do Liverpool, e Muriel, do Fluminense, foi encontrado morto, na noite de quarta-feira (24), após mergulhar em uma barragem no Rio Grande do Sul. Ele estava na propriedade da família, no município de Lavras do Sul, a 320 km de Porto Alegre.

O Corpo de Bombeiros da cidade vizinha, Caçapava do Sul, atendeu a ocorrência e confirmou a morte. Os agentes informaram que José Agostinho desapareceu por volta das 17h, quando tomava banho no açude.

Foi, então, que os bombeiros foram acionados. Eles informaram que buscas com mergulhadores não podiam ser realizadas à noite, mas foram iniciadas na superfície pelos dois soldados que, inicialmente, foram destacados para levantar informações sobre a região do desaparecimento. 

José Agostinho tinha 57 anos, era goleiro amador e inspirou os filhos Muriel, de 34 anos, e Alisson, 28, a escolherem a profissão. Os dois começaram a carreira no clube do coração da família, o Internacional, em Porto Alegre. 

Tanto o Inter quanto o presidente do clube, Alessandro Barcellos, manifestaram pesar pela morte de José pelas redes sociais. O Fluminense, onde Muriel joga atualmente, também prestou condolências. 

Segundo a Polícia Civil de Lavras do Sul, o corpo vai ser encaminhado para necropsia em Bagé, cidade vizinha.

*Com informações de G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *