PF deflagra operação contra tráfico de drogas em Teresina e Água Branca

Subiu para três o número de presos na operação Expandere, deflagrada pela Polícia Federal, para desarticular uma facção criminosa do Amazonas, que estava se instalando no Piauí, para expandir o tráfico de drogas nas cidades de Água Branca, no interior do estado, e também na capital Teresina. Um dos presos é suspeito de fornecer munições para o grupo criminoso.

“Nós já tínhamos a informação que um dos indivíduos era o fornecedor de munições para essa facção e então pleiteamos mandado de busca e apreensão para a sua residência. Chegando ao local nos deparamos com aproximadamente mil munições de diversos calibres, calibre 38, 32, 40, 9 mm, e outras”, informou o delegado de Polícia Federal, Vinicius Coelho, responsável pela Operação Expandere.

Foto: Ascom PF-PI

Segundo o delegado, o grupo criminoso tentava expandir a atuação dentro do estado. “Os informes que a gente tem é que são pessoas que eram de fora do Piauí, passaram pelo Maranhão, na cidade de Imperatriz e estão agora no Piauí. A gente investiga que há uma tentativa de expansão aqui no estado do Piauí, e que por enquanto estão atuando em Água Branca, mas no decorrer da investigação poderemos descobrir outros eventuais municípios e mais investigados”, afirmou o delegado.

A Polícia Federal investiga se o grupo criminoso teria participação também em crimes como tráfico de armas e de munições e homicídios.

Publicada às 8h40

A Polícia Federal deu cumprimento a dois mandados de prisão, além de mandados de busca e apreensão, na manhã desta quarta-feira (06) durante a Operação Expandere com o objetivo de combater grupo criminoso que atua no tráfico de drogas nas cidades de Teresina e Água Branca (à 100 km de Teresina).

A investigação teve início a partir de um flagrante que terminou com a prisão de duas pessoas com drogas e armas. Durante as investigações do envolvimento dos presos com o crime de tráfico, a polícia analisou aparelhos eletrônicos apreendidos e conseguiu identificar a articulação do grupo criminoso, incluindo integrantes de facções criminosas que atuam nas regiões norte e nordeste do país.

Os envolvidos devem responder pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. O nome da operação, Expandere, faz referência a uma tentativa de expansão da facção, que surgiu no estado do Amazonas e começa a atuar no Piauí.

A operação mobilizou 25 Policiais Federais para o cumprimento de seis mandados judiciais, todos expedidos pela Justiça Estadual do Piauí.


Fonte: Bárbara Rodrigues, Gorete Santos e Graciane Araújo


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais