Piauí registra redução de empresas da construção civil na pandemia, diz IBGE

Piauí registrou uma redução de 8,3% em empresas no setor da Construção Civil, entre 2019 e 2020, ou seja, 47 empresas deixaram de atuar no estado nesse período, segundo Pesquisa Anual da Indústria da Construção (PAIC), que foi divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com pesquisa, das 565 empresas que estavam presentes no Piauí em 2019, restaram 518 ao final do ano de 2020, mesmo ano em que a pandemia começou.

Com relação às empresas que têm sede no Piauí, também houve queda: de 491 em 2019, restaram 447 em 2020. Ou seja, 44 empresas do setor com sede no estado saíram de atuação no período, redução de 8,9%

Custos das obras e serviços

Também foi registrado pela pesquisa que ocorreu um pequeno decréscimo relacionado ao custo das obras e/ou serviços da construção, que foi de R$ 971 milhões em 2020.

Enquanto o Piauí representava 5,7% do total da despesa da região Nordeste em 2019, a participação do estado caiu para 5,4% em 2020. Quase todos os estados da região tiveram reduções no índice, devido ao aumento expressivo de 4 pontos percentuais registrado no Maranhão.

Outro ponto registrado foi um aumento no valor das incorporações, obras e/ou serviços da construção do estado, que foi de R$ 3,2 bilhões em 2020, com crescimento de 26% em comparação a 2019.

Aumento de trabalhadores

Um ponto positivo é que ocorreu um aumento no número de pessoas ocupadas no setor, pois havia 18,4 mil trabalhadores em 2019, tendo chegado a 19,3 mil em 2020. Os valores representam um aumento de 4,9% de pessoas ocupadas.

Por Cidade Verde (Informações do IBGE)

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *