Presa dupla suspeita de cometer seis homicídios na região da BR-020

Após operação que durou mais de setenta e quatro horas, finalizada somente por volta das 04h00min desta quarta-feira, 03, realizou a prisão de uma dupla suspeita de vários crimes, de roubos, latrocínio e homicídios na região da BR-020, nas cidades de Alagoinha, Monsenhor Hipólito, assim como outras localidades.

Cerca de quarenta policiais participaram da operação, todos jurisdicionados ao 4º Batalhão da Polícia Militar, sob o comando do Major Felipe.

“A operação teve início quando o comandante do GPM de Monsenhor Hipólito foi acionado, por volta das 02h30min da manhã do dia 31 de fevereiro, sendo-lhe noticiado um latrocínio praticado contra um empresário morador da BR-020, zona rural do município de Monsenhor Hipólito, onde uma dupla adentrou à residência dele, arrombou a porta do quarto, e um dos suspeitos disparou um tiro fatal na vítima na presença de mulher e filha de três anos de idade”, disse o comandante do 4º BPM, Major Felipe.

O principal suspeito do latrocínio foi localizado após mais de 48 horas de diligências continuas. O mesmo estava em um bar, localizado no bairro Junco, em Picos, na tarde de terça-feira, 02, com a chegada dos policiais o mesmo recebeu voz de prisão.

“Indagado sobre os fatos relativos ao crime praticado na madrugada no domingo, que vitimou o empresário da região da BR-020, o suspeito confessou autoria e apontou o local onde estava a arma que possuía, supostamente utilizada no latrocínio. Assim, o nacional de iniciais R.E.S, de 26 anos, vulgo “Romin da 020”, bem como os pertences foi conduzido para a Central de Flagrantes de Picos para a autuação”, explicou o major.

Com o acusado foram apreendidos um revólver calibre 38, com seis munições intactas, dez munições calibre 38, além de três aparelhos celulares,

As ações aconteceram de forma simultânea na região da BR-020. Por volta das 20h20, da terça-feira, 02, o outro suspeito de ter participado do latrocínio foi preso.

O nacional de iniciais J.J.C., de 20 anos, que foi encontrado no bairro Acampamento, zona rural do município de Fronteiras. Na oportunidade, o suspeito confessou a participação no latrocínio em coautoria com R.E.S., num homicídio recente praticado na BR-020 que vitimou o vigilante noturno “Cição” e outros vários crimes graves na região. Confessou ainda que durante a fuga recente, na manhã da segunda-feira, 01, efetuou o roubo dois celulares e uma motocicleta numa vicinal que liga os municípios de Francisco Santos a Santo Antônio de Lisboa.

Com o mesmo foram encontrados um revólver de marca Taurus, calibre 32, quatro munições intactas, uma moto Fan 125, com placa NIP 6019 e cor preta, além de, uma moto Fan 125, placa: NVS 5386.

“Há mais de dois meses nossa inteligência estava realizando incursões na região a fim de identificar um dos suspeitos, que já possuía um mandado de prisão em aberto por crime de roubo. À medida que os nossos policiais militares diligenciavam acumulavam-se evidências de práticas de outros crimes muito mais gravosos. Chegou-se ao ponto de R.E.S. estar sendo suspeito de praticar, desde o começo do ano, ou seja, em pouco sessenta dias, cinco mortes, entre homicídios e latrocínios, levando terror a cidadãos comuns e ao pequeno empresariado daquela região e cidades circunvizinhas. Parabenizo a todos os guerreiros envolvidos direta ou indiretamente que abdicaram do conforto de seus lares e estiveram conosco desde a manhã de domingo em mais uma missão exitosa da PMPI”, arrematou o Major Felipe, Comandante do 4º BPM.

 

Por Picos40graus

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *