Procedimento apura rejeição de idosos para vacinação em município do Piauí

O Ministério Público do Piauí, através da promotoria de justiça de Oeiras, instaurou procedimento preparatório de inquérito civil para apurar suposta rejeição de idosos na vacinação contra a Covid-19 na cidade.

O procedimento vai apurar suposta preterição dos idosos, na faixa etária acima de 80 anos, como grupo prioritário na vacinação realizada pelo município de Oeiras, tendo em vista a limitação do número de vacinas disponíveis.

A ação visa para coleta de informações, documentos, depoimentos, perícias, dentre outras provas, ressaltando que a posteriori será analisada a necessidade
de celebração de termo de ajustamento de conduta, ajuizamento de ação civil pública ou possível arquivamento.

O promotor Vando da Silva Marques determinou diligências para a apuração do caso.

Por 180graus

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *