PSDB quer Serra como deputado e oferece estrutura de campanha de senador

Bruno Araújo, presidente do PSDB, fez convite para que o senador José Serra (PSDB-SP) seja candidato a deputado federal em 2022.

Para convencer o ex-governador a aceitar, Araújo ofereceu a ele a estrutura de campanha que ele teria se fosse disputar uma cadeira no Senado, com inserções televisivas diárias e mais recursos financeiros.

A ideia de Araújo é que Serra seja um puxador de votos e consiga eleger cinco ou seis outros candidatos tucanos na Câmara dos Deputados. Dessa forma, ele daria contribuição significativa para reverter em 2023 o encolhimento do partido na Casa previsto para os próximos meses.

A atual bancada do PSDB conta com 32 deputados, e tucanos e parlamentares de partidos aliados dizem que a saída de representantes do PSDB nos próximos meses pode atingir mais de um terço do grupo.
A assessoria de imprensa de Serra confirmou ao Painel o recebimento do convite e disse que o senador o avaliará nos próximos dias.

Nos últimos sete anos como senador, Serra apresentou, até o momento, 74 projetos. Desses, 29 foram aprovados no Senado e 13 convertidos em normas legais.

Caso se torne deputado, ele poderá pressionar pelo andamento de projetos seus que já foram aprovados no Senado e travaram na Câmara, como o Voto Distrital Misto, o Voto Distrital para Vereadores, o Auxílio Creche, o aperfeiçoamento do Estatuto da Criança e do Adolescente, o do Combate ao Tabagismo, o que estabelece a Revisão Periódica dos Gastos Públicos e o da Securitização de Créditos Tributários.

Fonte: Folhapress (Fábio Zanini)

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *