Simulação da polícia questiona defesa e indica que irmão participou da morte de Izadora Mourão

Nas imagens simuladas, a animação mostra que João Paulo usou uma faca para golpear a irmã enquanto estava em pé ao lado dela, que estava deitada na cama. A mãe estaria ao lado dele. Ferida, a advogada caiu no chão ao lado da cama, onde morreu.

Já a defesa, feita pela advogada Esmaela Macedo, afirma que apenas a mãe matou Izadora.

Advogada Izadora Santos Mourão, de 41 anos, foi encontrada morta dentro de quarto em Pedro II — Foto: Reprodução

Advogada Izadora Santos Mourão, de 41 anos, foi encontrada morta dentro de quarto em Pedro II — Foto: Reprodução

“Estratégia da defesa”, diz delegado

O coordenador do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), delegado Francisco Costa, o Barêtta, disse que o crime foi premeditado e que a negativa da participação de João Paulo é uma estratégia, já que a mãe possui mais de 70 anos e, se condenada, deve ter a pena reduzida em função da idade, conforme previsto no código penal.

Ele declarou ainda que a perícia indicou a participação dos dois, considerando a altura do agressor e a posição em que os golpes foram aplicados.

Caso Izadora Mourão: Polícia Civil contesta versão de que irmão não participou do crime

“Essa foi uma estratégia da defesa. Qualquer criminoso merece ampla defesa e contraditório, mas a Polícia Civil fez um trabalho brilhante, com provas materiais e testemunhais robustas. Temos um verdadeiro encadeamento do crime praticado pelo João Paulo, que foi autor material, ele que agiu, matou alguém auxiliado pela mãe dele. Contra provas não há argumentos”, declarou o delegado.

 

A mãe assumiu sozinha a autoria do crime durante audiência de instrução do caso, no dia 23 de junho, segundo a defesa. Apesar de ter confessado, não foi indicado o que motivou o assassinato.

Após a audiência, a Justiça tem dez dias para decidir se os dois irão ou não responder pelo crime diante do tribunal popular do júri, que julga crimes contra a vida.

Por G1 PI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *