150 pessoas morrem após barragem se romper por inundação na Índia

Depois do som da avalanche, uma enorme quantidade de terra atingiu casas e deixou muito drestuição

Até 150 pessoas podem ter morrido no norte da Índia depois que uma parte de uma geleira da cordilheira do Himalaia rompeu-se e caiu em uma represa neste domingo (7). A água da represa transbordou, e uma enchente atingiu as vilas ao redor e obrigou as pessoas a sair de suas casas. Com informações do G1

O número preciso de mortes ainda não foi confirmado, mas estima-se que os mortos sejam entre 100 e 150, disse Om Prakash, secretário-chefe do estado de Uttarakhand, onde o acidente aconteceu.

Depois do som da avalanche, houve deslizamento com pedras, água e barro, segundo o relato de uma testemunha.

“Desceu muito rapidamente, não houve tempo para alertar ninguém”, afirma Sanjay Singh Rana, que mora no alto da vila de Raini.

Os moradores afirmam que têm receio de que os trabalhadores de uma hidrelétrica da região foram atingidos, assim como pastores da área.

Reprodução de vídeo mostra massa da água, lama e escombros em enchente na Índia, em 7 de fevereiro de 2021 — Foto: Reprodução KK Productions/Via AP

O primeiro-ministro Narendra Modi afirmou que está monitorando a situação. A força aérea da índia foi convocada para ajudar nos resgates. As equipes de resposta a desastres ambientais estão sendo levadas de avião.

 Mortos na índia

Número de mortos pode chegar a 150, segundo a agência Reuters. Distritos próximos a represa estão em alerta máximo para deslizamentos.

Localização do incidente-Foto: G1

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *