Após ter filhotes queimados cadela ganha um lar em Picos

A família da jovem Bianca adotou o animal

Após perder seus sete filhotes, que foram queimados vivos na última segunda-feira, 29 de junho, no bairro Passagem das Pedras, em Picos, a cadela de rua, ganhou um lar e um nome.

RELACIONADA:  Sete filhotes de cachorra são queimados vivos em casa abandonada em Picos

Princesa, foi adotada pela família da Bianca Ilíria Gomes, que cuidava da mesma e dos filhotes.

O crime bárbaro, que ganhou repercussão nas redes sociais e noticiários, está sendo investigado.

Bianca contou ao Picos 40 Graus, que ela e sua família já estavam muito apegados com a cadela, que segundo ela tentou salvar os filhotes do fogo, conseguindo resgatar alguns do local ainda em chamas.

A polícia esteve no local e afirmou que a perícia iria ser feita, porém, passados três dias, nada ainda foi realizado.

“A polícia não dá muita importância para esse tipo de caso. Gostaríamos que Justiça fosse feita, pois ela não é a única de rua, há varias aqui e se aconteceu com uma pode ser com outras. Isso aconteceu com animais indefesos, mas também poderia ter sido com uma criança, um idoso ou até mesmo algum de nós”, ressaltou a jovem.

Ainda segundo Bianca, Princesa é uma cadela muito dócil, amorosa e sempre que sai à rua vai em busca dos filhotes, retornado ao local onde aconteceu o crime.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *