Assis Carvalho é sepultado em meio a comoção e homenagens em Oeiras

Assis Carvalho morreu, aos 59 anos, vítima de infarto, na tarde deste domingo(05).

O corpo do deputado federal Assis Carvalho foi sepultado nesta manhã no cemitério Campo da Esperança, no bairro Jereminha em Oeiras na presença de muitos familiares, amigos e autoridades públicas.

Assis Carvalho morreu, aos 59 anos, vítima de infarto, na tarde deste domingo(05). Ele estava em seu sítio, na zona rural de Oeiras, ainda chegou a ser socorrido para a UPA da cidade, mas após cinco paradas cardíacas não resistiu. Ele era deputado federal e estava no terceiro mandato. O médico do parlamentar disse que ele tinha uma doença agressiva.

O governador Wellington Dias esteve presente no velório, na funerária Vila Nova, onde discursou. Amigo pessoal de Assis, Wellington afirmou que suas trajetórias foram muito parecidas e ressaltou a dedicação do correligionário na vida pública e a paixão pela família.

    Foto: Reprodução/Mural da Vila

“Coincidiu da gente seguir uma trajetória muito parecida, participando do movimento sindical na Caixa Econômica, seguimos juntos para o sindicato dos bancários e depois para no Partido dos Trabalhadores (PT). Uma pessoa que fazia tudo com muita intensidade, com muita paixão. Acho que essa intensidade e essa paixão fizeram com que seu coração não aguentasse. Sempre se colocava à disposição para os prefeitos e líderes e acompanhava todas as coisas, sempre muito presente, de forma muito dedicada, atuava junto com presidente do nosso partido. Uma das pessoas mais apaixonadas pela família, pais, irmãos, pelos filhos…”, disse o governador ainda no velório, onde chegou acompanhado da primeira-dama e deputada federal Rejane Dias, do secretário de Governo Osmar Júnior, o secretário da Fazenda, Rafael Fonteles, o de Administração Merlong Solano, entre outros.

Além do governador, o deputado estadual Dr. Francisco Costa e o promotor de Justiça Carlos Rubens também discursaram durante o velório.

    Foto: Reprodução/Mural da Vila

Centenas de pessoas estiveram na funerária, as duas horas em que o corpo ficou no local para ser velado, com participação do público, que se aglomerou tanto dentro quanto fora do estabelecimento. Durante toda a noite, o corpo foi velado no sítio da família, por volta das 8h, o corpo foi levado para a funerária, que havia colocado um cordão de isolamento para que o público passasse pelo local.

Muitos políticos se manifestaram sobre a morte de Assis, entre eles, o ex-presidente Lula.

    Foto: Reprodução/Mural da Vila

Fonte: Caroline Oliveira/Cidade Verde

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *