Bebê de 2 meses morre engasgado com leite enquanto dormia no PI

Médicos peritos que acompanharam o caso descartaram a possibilidade de crime.

Um bebê de dois meses morreu após se engasgar com leite materno enquanto dormia em Morro Cabeça no Tempo, a 721 km de Teresina. O caso aconteceu na noite da última sexta-feira (2).

“Ainda cedo a polícia militar constatou o óbito. Nós fomos acionados na manhã do sábado e o Instituto Medico Legal realizou a perícia na criança”, informou o delegado César Ribeiro, da Polícia Civil.

Segundo a Polícia Civil, a mãe da criança relatou que durante a noite amamentou a criança e, então, a colocou para dormir. Pela manhã, ao verificar, percebeu que o bebê estava desacordado.

Conforme a Polícia Civil, médicos peritos que acompanharam o caso, constataram a morte por engasgo de leite e descartaram a possibilidade de crime. O corpo do bebê foi liberado para família ainda no sábado (03).

O que é o engasgo?

O engasgo acontece quando a comida ou objetos vão para o lugar errado quando engolimos alguma coisa. Com isso, o nosso organismo tenta expulsar esse corpo que não seguiu o caminho certo da deglutição (da boca até o estômago).

Esta situação é considerada uma emergência e, em casos graves, pode resultar em asfixia fatal ou perda de consciência temporária. Por isso, ações rápidas são cruciais para prevenir complicações.

O que fazer em casos de engasgos com bebês?

  • Primeiro, coloque o bebê de bruços em cima do seu braço ou sobre a perna. Vire a cabeça dele para baixo, segure a boca até ficar meio aberta e faça cinco compressões firmes entre as escápulas (no meio das costas).
    • Dê batidas vigorosas nas costas para conseguir realmente empurrar esse corpo estranho.
    • Com um dedo, abra a boca da criança. Proteja o tórax e vire a criança de barriga para cima em seu braço para observar se ela continua com dificuldades para respirar.
    • Se ela continua com dificuldades para respirar, faça cinco compressões torácicas. Coloque dois dedos na linha entre os mamilos e empurre contra o tórax da criança por cinco vezes por cinco segundos.
    • Tente visualizar o corpo estranho e retire-o da boca delicadamente. Se não conseguir, repita as compressões até a chegada a um serviço de emergência.

    O Ministério da Saúde lembra que esses procedimentos são válidos somente se a criança ou o adulto engasgado estiverem conscientes. Vítimas inconscientes precisam de atendimento hospitalar rapidamente, e os primeiros socorros para asfixia ou engasgo devem ser tomados até que seja possível o atendimento especializado.

    O telefone de emergência para acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) – válido para todo o Brasil – é o 192.

Fonte: g1 PI


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais