Municípios

Chuvas cortam estradas; quatro cidades suspendem aulas devido os estragos

As prefeituras de Piripiri, Pedro II, Milton Brandão e Domingos Mourão, no Norte do Piauí, suspenderam as aulas por conta dos estragos causados pelas fortes chuvas. A cheia de rios e riachos alagou e destruiu estradas e passagens molhadas destruídas das cidades.

Em Domingos Mourão, a prefeitura manteve a suspensão das aulas em toda a rede municipal de ensino nesta quarta-feira (22). A decisão leva em conta o estado das estradas, sobretudo na zona rural, após as últimas chuvas.

Secretária de Educação, Erica Graziela explicou ao Cidadeverde.com que as condições das estradas comprometem e colocam em risco os profissionais da área e metade dos 970 alunos matriculados na rede municipal que dependem do transporte escolar.

“Em praticamente toda a nossa rede está suspensa. Temos muita água em toda nossa região e muita água nas estradas. É um risco muito grande, por isso vamos manter as aulas suspensas”, pontuou a gestora da pasta.

A Prefeitura de Domingos Mourão chegou a anunciar a retomada das aulas após o anúncio da suspensão na última terça-feira (21), mas acabou mantendo a medida após uma reavaliação de segurança nos locais atingidos.

“As aulas foram suspensas porque está tudo intrafegável. Todas as passagens molhadas e estradas estão debaixo de água. Temos comunidades da zona Rural que estão isoladas”, informou Ricardo Fabrício, vice-prefeito da cidade.

Diante deste cenário, os órgãos municipais seguem monitorando as áreas de risco. Até o momento, três famílias precisaram ser retiradas de suas residências por conta da possibilidade de serem alagadas pelo grande volume das chuvas.

“Temos algumas residências de onde tivemos que retirar algumas famílias, que foram para a casa de familiares. São ações de prevenção, já que essas pessoas moram muito próximo das margens dos rios, a cerca de 500 metros”, pontuou o vice-prefeito.

Por conta da situação, a Prefeitura de Domingos Mourão avalia baixar um decreto de calamidade ou emergência no município. “Nos reunimos com a equipe jurídica e estamos estudando a possibilidade de um decreto”, afirmou Ricardo Fabrício.

Outras cidades da região

A situação é semelhante em Piripiri, Pedro II e Milton Brandão, onde as fortes chuvas também causaram estragos. Com diversas estradas destruídas pelas chuvas, a situação tem se agravado em localidades rurais.

Além da suspensão das aulas, as respectivas prefeituras realizam vistorias nas estradas vicinais da cidade para avaliar quais providências serão tomadas. A gestão não descarta a possibilidade de decretar estado de calamidade pública.

Fonte: Breno Moreno e Ney Silva

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9417-2542

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Portal Saiba Mais