Em jogo com duas viradas, Fla vence Bahia por 4 a 3 no Brasileirão

Fla tem Gabigol expulso, abre 2 de vantagem, sofre a virada, mas vence por 4 a 3, neste domingo (20), no Maracanã, e depende mais de si por título.

Em um jogo emocionante e com duas viradas, o Flamengo venceu o Bahia por 4 a 3, neste domingo (20), no Maracanã (RJ), pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time rubro-negro teve o atacante Gabigol expulso no início da partida, abriu vantagem de dois gols, sofreu a virada, mas reagiu e conquistou os três pontos que o mantém dependendo apenas de si para ser campeão.

Com os resultado positivo, o Flamengo carioca mantém a perseguição ao líder São Paulo. Agora com 48 pontos, o Fla está a cinco pontos de alcançar a ponta da tabela e ainda tem um jogo a menos que o clube tricolor paulista.

Indiretamente, os flamenguistas ajudaram os rivais vascaínos com a vitória sobre o Bahia, que manteve os 28 pontos, em 16º lugar, mesma pontuação do time cruz-maltino, que venceu o Santos, em São Januário, também neste domingo (20).

O jogo

O Flamengo abriu o placar no início da partida. Aos 4 minutos, Bruno Henrique disparou, encarou a zaga, limpou e acertou o ângulo de Douglas Friedrich: 1 a 0.

Porém, aos 9 minutos, o atacante Gabigol reclamou de uma marcação da arbitragem e foi expulso de campo.

Gabigol reclama da expulsão
Gabigol reclama da expulsão Sergio Moraes/Reuters = 20.12.2020

O flamenguista teria ofendido o árbitro Flavio Rodrigues de Souza. A partida ficou paralisada por mais de 5 minutos em razão da confusão.

Após o recomeço do jogo, o Bahia teve duas boas chances de empatar a partida. Em uma delas, aos 22 minutos, o lateral-direito Nino Paraíba obrigou o goleiro Diego Alves a praticar uma excelente defesa com o pé.

O time tricolor baiano manteve a pressão e, aos 29 minutos, Diego Alves salvou novamente após defender um chute do artilheiro Gilberto.

Mas, aos 32, o Flamengo reagiu e chegou ao segundo gol em mais uma grande jogada iniciada por Bruno Henrique, que tocou para Isla marcar.

O time flamenguista nem parecia atuar com um homem a menos em campo e ainda teve outras boas chances para ampliar o marcador.

2º tempo surpreendente

Na volta do intervalo, o time tricolor baiano tentou surpreender o adversário na tentativa de diminuir a desvantagem no placar.

Logo no primeiro minuto, Nino Paraíba fez boa jogada pela direita e deixou Gabriel Novaes dentro da área. O atacante rolou para Gilberto, mas Isla intercpetou a jogada.

Na sequência, aos 5 minutos, o atacante colombiano Juan Ramírez recebeu passe na área, se livrou da marcação e tocou por baixo de Diego Alves: 2 a 1. O lance foi checado pelo VAR e validado pela arbitragem.

O time do Bahia aproveitou o momento de instabilidade do adversário para empatar a partida, aos 10 minutos. Gilberto acertou o ângulo do gol rubro-negro com um lindo chute de fora da área: 2 a 2.

Gilberto comemora gol do Bahia contra o Flamengo no Maracanã

Gilberto comemora gol do Bahia contra o Flamengo no Maracanã

Sergio Moraes/Reuters – 20.12.2020

Três minutos depois, o artilheiro Gilberto virou o placar com uma cabeçada, após cobrança de escanteio.

A equipe visitante manteve a pressão sobre o rival. Por outro lado, o Flamengo ainda acertou a trave do goleiro Douglas Friedrich com um chute forte do volante Gomes.

A partida continuou aberta, com oportunidades para os dois lados. E, aos 36, o atacante Pedro, que havia entrado em campo dois minutos antes, empatou para o Flamengo.

Em mais uma virada incrível, o time carioca fez o quarto gol por intermédio do atacante Vitinho, aos 44 minutos, após bom passe do centroavante Pedro.

Técnico Rogério Ceni é abraçado por Gérson, do Flamengo

Técnico Rogério Ceni é abraçado por Gérson, do Flamengo

Sergio Moraes/Reuters – 20.12.2020

Próximos jogos

Os dois clubes voltam a jogar no próximo fim de semana em jogos válidos pela 27ª rodada do Brasileirão.

O Flamengo voltará a campo no próximo sábado (26), às 19h, para enfrentar o Fortaleza, fora de casa. No dia seguinte, domingo (27), às 16h, o Bahia receberá o Internacional, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

FLAMENGO 4 x 3 BAHIA

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 20 de novembro de 2020, às 18h15
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (Fifa-SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa-SP)
VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)
Cartões amarelos: Juninho Capixaba, Gilberto, Rodriguinho (Bahia); Filipe Luís (Fla); Cartões vermelhos: Gabigol (Flamengo); Daniel (Bahia);
Gols: Bruno Henrique, aos 4 minutos do 1º tempo; Isla, aos 32 do 1º; Juan Ramírez, aos 5 do 2º tempo; Gilberto, aos 10 e 13 do 2º tempo; Pedro, aos 36 do 2º tempo; Vitinho, aos 44 do 2º tempo;
FLAMENGO: Diego Alves; Isla (Vitinho, aos 39º do 2º), Rodrigo Caio, Natan e Filipe Luis; Gomes (Matheuzinho, aos 46 do 2º), Gerson, Everton Ribeiro (Diego, aos 43 do 2º) e Arrascaeta Pedro, aos 26 do 2º); Bruno Henrique e Gabriel. Técnico: Rogério Ceni.
BAHIA: Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Ernando, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore, Edson (Daniel, aos 14 do 1º tempo) e Ramon (Gabriel Novaes, no intervalo); Rossi, Gilberto (Rodriguinho, aos 33 do 2º) e Juan Ramírez (Clayson, aos 34 do 2º). Técnico: Mano Menezes.

 

Por R7

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *