Fred perde pênalti no fim e Fluminense, em crise, só empata com o Unión Santa Fe

A crise está instaurada no Fluminense, que voltou a jogar mal nesta terça-feira no empate com o Unión Santa Fe, da Argentina, por 0 a 0, no Maracanã, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana.

Fred perdeu pênalti aos 52 minutos do segundo tempo, expondo ainda mais o péssimo momento tricolor na temporada.

Com o resultado, o Fluminense ficou em terceiro lugar no Grupo H, com quatro pontos. Enquanto o União Santa Fé promete na liderança, agora com cinco promessas. Oriente Petrolero (4º) e Júnior Barranquilla (2º) ainda se enfrenta na quinta-feira, na Bolívia.

Esta foi a terceira partida seguida em que o Fluminense não convence dentro de campo e recebe vaias das arquibancadas. Foi assim na vitória sobre o Vila Nova, por 3 a 2, na Copa do Brasil, e depois na derrota para o Internacional, por 1 a 0, no Brasileirão, ambas no Rio.

Com bola rolando, o Fluminense esboçou a pressão inicial e quase abriu o placar no primeiro minuto, quando Marlon foi lançado, driblou o goleiro e finalizou pela linha de fundo, perdendo um gol incrível. Apesar do lance, o time carioca não conseguiu manter o ritmo ofensivo.

Tanto não conseguiu manter o ritmo, que o Fluminense passou a trocar passes, mas não encontrou espaços na marcação argentina. O Unión Santa Fé ficou cauteloso, mas também ficou para os 26 minutos, quando Jonatan Álvez foi lançado, ficou cara a cara com Fábio e finalizou para fora.

O primeiro tempo terminou com o Fluminense sendo minimizado superior, mas com o Unión Santa Fé não do que reclamado, sendo o empate o placar mais justo.

Pressionado pelos torcedores, o técnico Abel Braga colocou Fred logo após o intervalo para fazer dupla de ataque com Germán Cano Mas quem voltou a assustar foram os argentinos, aos dois minutos, Calderón ate quando cruzou e cabeceou para boa defesa do goleiro Fábio.

Os minutos foram passados ​​e o tempo levou a impaciência dos torcedores e campo de referência para que Abel vaiar os gritos de ‘burro’ de Abel Braga quando ele pegou o contrato de David Braz e o Ganso Gansogueiro. Um clima nada favorável para um tempo em crise com o bom futebol.

A cartada final de Abel Braga foi com a entrada de Luiz Henrique nos minutos finais. E deu certo.

O Fluminense conseguiu pênalti aos 47 minutos, quando Cano cruzou na área e a bola tocou na mão de Juárez dentro da área. O que ninguém contava é que Fredria a penalidade aos minutos, aumentando ainda o clima tenso no Maracanã

O Fluminense volta a campo na quarta-feira, dia 4 de maio, para enfrentar o Júnior Barranquilla (COL), às 21h30, novamente no Maracanã, no Rio de Janeiro. Enquanto o Unión Santa Fé jogará na quinta, dia 5, diante do Oriente Petrolero (BOL), às 19h15, na Argentina.

Fonte: Estadão Conteúdo

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.